quinta-feira, junho 28, 2007

Por Mim...

rio33

(foto de BlueShell)

Respira por mim, tu que dizes amar-me.

rio34

(foto de BlueShell)

Vive por mim os dias que eu não verei nunca...
Porque longe estão de ser dias de Sol...
Vive por mim...que me falta coragem, já!
O que fui, o que sou...bem o sei!
O que queria ter feito...ficará por ser...

Vive por mim e sê feliz...
Pois o que serei...
Senão uma ténue lembrança,
Suave recordação de tempos idos?

Serei páginas de livros fechados e nunca lidos...

46 comentários:

sofialisboa disse...

que fotografias soberbas! sofialisboa

happiness...moreorless disse...

adorei =)

****

Joana Dalila Santos disse...

Fotos excelentes

≈♥ Nadir ♥≈ disse...

lindo... triste mas muito bonito, a última frase então...
beijinhos e bom fim de semana

Daniel Aladiah disse...

Querida Blue Shell
Imagino que sejam os exames...
Tens um prémio meu, não sei se o viste... já há 2 posts atrás.
Há livros que se abrem, mesmo depois de muitos anos.
Um beijo
Daniel

Maria Valadas disse...

Os livros estão fechados... mas um dia alguém os abrirá, e verão quanta a beleza do que eles contêm!!

Poema Lindo... mas tão triste!

Bom Domingo minha querida...e um sorriso.

Beijinhos da

Maria

Amaral disse...

Com a nostalgia própria dos poemas tristonhos, deambulo pelos versos que escondem recordações...

Å®t_Øf_£övë disse...

Blueshell,
Nunca poderás ser páginas de livros nunca lidos. Terás que continuar a viver, porque todos os livros que já leste, mais os que nunca terás tempo para ler, vão dizer-te o que aprendeste, e o que te ficou por aprender.
Bjs.

Peter disse...

Nomeei-te para o Prémio "As 7 Maravilhas da Blogosfera". Bem o mereces.

peciscas disse...

Mais um daqueles poemas bem sentidos que aqui podemos ler.Triste, mas belo.
Mas a vida, bem ou mal, tem de ser vivida por cada um de nós.

Plum disse...

Um livro fechado é apenas um bloco de papel...não te feches!!!
Abraços!***

Diabólica disse...

Mais um poema carregado de emoção, como sempre.
Parabéns!

Bjs

Maria Valadas disse...

Passei para deixar um abraço amigo!

Maria

http://shakermaker.blogs.sapo.pt disse...

Ora viva!

Nunca é demais dizê:lo por aqui, está sempre tudo muito bem.
Bem escrito e bem pensado.

Um abraço...
shakermaker

o sal da nossa pele disse...

Sempre venho aqui para ler, gosto... um abraço...

TMara disse...

conchinha azul, estás desafiada, amiga. Passa aqui:
http://balaodensaio.blogspot.com/
Bjoca

maresia_mar disse...

Olá
não deixes ninguém viver por ti.. a vida, apesar de tudo, é cheia de coisas boas e vale a pena.
Bjhs e bom fds

Lmatta disse...

lindas fotos como sempre
beijos

♥≈Nღdir≈♥ disse...

ღღ OLÁ! ღღ
  *.*´¨) ღღ
   ღღ ¸..´¸..*´¨)*´¨)
  ¸.•´¸.•*´¨) ღ ¸.•*¨)
  (¸.•´ ღღ (¸.•` ღღ Bom fim de Semana* ღღ
       ¸.•*¨)             
    (¸.•´ ღ (¸.•*´¨¨*Beijos*´¨¨*•.¸ღ .•*¨)
                     (¸.•´
•.¸.♥`“•.¸♥≈Nღdir≈♥ ¸.•“´♥.¸.•

Carmem L Vilanova disse...

Saodades de ti, linda!
Beijos!

margusta disse...

Faz hoje dois anos que editei o meu primeiro post...

O que conta não é o que fazemos, mas o amor que colocamos no que fazemos!".
Madre Teresa de Calcutá ...

Alongo os meus braços e abraço-Vos... num abraço intemporal!!!


Blue...de férias?...

essência disse...

o quarto do filho...
para leres
beijo

Nomyia disse...

Soa-me lindo mas soa-me triste. tudo me soa triste já...
MAs sempre com o talento e o amor nas palavras a que já habituaste os teus leitores. A inveja é um pecado mas amava saber usar o meu amor nas palavras como tu.
*****

Martuxa disse...

Que um dia serão lidas...
Sorriso

Sailing disse...

Fotos lindas ... Palavras que transmitem amor

Parabens

Sailing

**Arclight** disse...

adoras a mãe natureza!
a neutralidade k nos mostras aki não tem fronteiras!
vives e sonhas constantemente
com um amor k ainda t pode vir a tocar!
lindo!
palavras do fundo da alma

jinho*

Isaac disse...

Esse coração que transborda paixão e extravasa versos...

Saudades de suas palavras...

Alexandre disse...

Não acredito que sejas páginas de livros fechados e nunca lidos. Acho que és páginas de livros que guardamos à cabeceira e que lemos sempre que precisamos de nos sentirmos acompanhados. Páginas que se lêem vezes sem conta...

Muitos beijinhos!!!

joão oliveira disse...

ola blueshell
poema sentido, excelente com fotos belas
beijinhos e boptima semana

Cris disse...

Nunca ficam livros por ler... há sempre alguém, sempre, que o lê e admira o que lá está dentro!

beijinho
C.

Miguel V. disse...

Belas fotos, interiores e exteriores!

Spiritman aka Bacardiman disse...

Ta tudo tão romantico...

Cumprimentos mixed by Jameson 12 anos!!!

cõllybry disse...

Ninguem o pode fazer por nós...
Belo como sempre são teus poemas...

Doce beijo

Estrela do mar disse...

...ainda a meio das f�rias, passei para ver as novidades e deixar um beijinho grandeeee...

Angel disse...

Minha Querida Conchinha...

Jamais serás apenas um livro fechado, sem ter sido lido!!

Tu és vida, cada página apenas pode ser escrita por ti, e cada um de nós te lê, assim como cada pedaço de ti te pede para escreveres mais um pouco...

O dia chegará em que todas estas páginas irás ler com muita ternura, e poderás começar um novo rumo, de sorriso nos lábios...

Acredita!!

Beijinho grande!!

Bruce Wayne disse...

As tuas palavras são incríveis... é das melhores leituras de lirísmo lusitano que tenho lido....

Fantástico!

Isabel disse...

Quem escreve assim, só pode mesmo ser um livro aberto.
Parabéns pela escrita e pelas fotografias.

Bjt

Ghernandes disse...

Viva tudo o que Deus tem preparado pra você e vivera da melhor maneira possivel
Deus te abençoe

Celia Sanchez disse...

gosto da forma como escreve... Sentida, mtu sentida mesmu... ao ler senti as lembranças apoderarem-se de mim... ai coisa infeliz a minha ...*

north disse...

Já cá não passava há algum tempo, a qualidade fotográfica continua irrepreensível, já para não falar da escrita.

Cumprimentos,
north

Lucy disse...

Há tempos não venho aqui...e vim para convidar-te a visitar meu novo blog, tou adicionando-te em meus favoritos, ok?
Gosto de tuas fotos e teus poemas..parabéns!

TMara disse...

28 de junho...e hoje é quase, quase, 18 de JULHO!
pessoalmente tudo k me "cheire" a esoerar k venha um outro k nos salve, nos leia, nos conheça, nos ame, represnta 27 do cmainho p/ a infelicidade. essas capacidades só em nós estão e daí parimos para amar o outro mas sem essas componentes. É assim k penso.~~Bjocas e boas férias se for caso disso.

sofialisboa disse...

que mais irei dizer? acho que já foi dito tudo, mas são as fotografias que irei dizer que são lindas...sofialisboa

DE-PROPOSITO disse...

Olá
Pode haver uma edição de um milhão de livros. Basta que um tenha sido lido, para que o conteúdo venha ao de cima.
Fica bem.
Felicidades.
Manuel

Nilson Barcelli disse...

Espero que esta tua ausência seja devido às férias (os professores continuam a ser uns sortudos...).
Não gosto de ler este tipo de poemas teus. Sei que estão muito bem escritos, mas deprimem-me...
Beijinhos.

Alien David Sousa disse...

As fotos COMO SEMPRE são lindas e o poema apesar de triste é muito bonito.
Beijinhos alienígenas