sexta-feira, janeiro 06, 2012

Emboscada

cov

(Foto de BlueShell)

O cair da noite trazia consigo o cansaço das horas emboscadas no suor dos corpos!
O cair da noite encobria os sonhos até amanhã…

 

E a treva abafava o choro e a raiva, a incerteza e a madre ….
Filho por nascer… em casa sem pão!


A noite trouxe consigo o grito – (e a lenha
tombou, por arder, na lareira...)
por dentro do corpo cansado da peleja e
os sinos dolentes beberam a treva e
passaram palavra e
pela alvorada
já o povo carpia:
“está em Paz…
que assim seja”!

120 comentários:

Satyro disse...

Magnifico!

Adenda:
Quando fores uma escritora famosa espero que este zelo de vir aqui comentar, me garanta a comissãozinha do agente, assessor ou outro tacho qualquer, que te permita partilhar comigo uma módica parte da fortuna entretanto angariada. Sonhar é de borla e as calculadoras estão ao preço da chuva.

Brincadeirinha à parte que espero não tenhas levado a mal, desejo-te um excelente fim-de-semana.
:)))

✿ chica disse...

Esplêndido ! Escreves com o coração! Adorei! beijos,tudo de bom,chica

folha seca disse...

Cara Blue Shell
Tenho sempre medo de ao comentar um poema, o "estragar". Há coisas que não devem ser "tocadas" e um belo poema é uma delas.
Abraço
Rodrigo

lino disse...

Um bom dia de Reis!
Beijinho

Soraia disse...

Nunca sei o que comentar quando leio um poema por isso vou-me limitar a dizer que está óptimo! (:

Flor de Jasmim disse...

Blue
Triste com a uma beleza muito própria!

Beijinho e uma flor

Severa Cabral(escritora) disse...

MINHA QUERIDA AMIGA!
VIM TRAZER MEU CARINHO E MEU APREÇO POR VC...UMA MANEIRA DE POETAR LINDO...
BJS MINHA FLOR!

carol disse...

A força e a dor do nascimento e a paz que se sente logo depois.

Muito bem, Conchinha!

lis disse...

Blue
são as emboscadas que a vida reserva ,
uns gemem e outros cantam como nos versos de Balzac .
Parabéns pela poesia linda e a foto que a complementa.
abraços

Mona Lisa disse...

Com ternura e delicadeza descreveste a vida...

Belísima foto, soberbamente legendada.

Beijos.

Labirinto de Emoções disse...

Há dores maravilhosas Blue...e a do nascimento de um filho é a ventura maior da humanidade..)))

Um beijo e um imenso sorriso, que o Novo Ano te traga tudo de Bom

Teresa

Vivian disse...

...e não é o nascimento de
um filho,
remédio para todos os meles?

parabéns, alma linda!

Chatty Crone disse...

I am new here - but I'll give it a try - to me the poem sounded sad. Did you write that? Deep. sandie

Susan disse...

Beautiful and sad.

Randy disse...

Lovely words.

NixBlog disse...

Beautiful limpid darkness...
"Nightfall concealed dreams until tomorrow..."

Mr. Paparazzo disse...

Nice photo in the evening.
What is this building for?
Have a good weekend!

Olinda Melo disse...

Querida Blue Shell

Este é um dos teus poemas mais lindos...li-o duas, três vezes. Tem a profundidade da profundidade: nascimento e morte.

E a fotografia, bela, vem mesmo a propósito.

Um excelente fim de semana.

Beijinhos

Olinda

Olinda Melo disse...

Corrigindo a minha gralha:)

...tem a profundidade da própria vida...

Bj

Olinda

Aleatoriamente disse...

Amiga...Quanta grandeza em tuas palavras.
Beijinho.

retrato... disse...

nas tuas palavras, na tua maneira de conjugares as palavras dando-lhes o dom de dar luz a um poema, não há choro, raiva, e muito menos, casa sem pão quando desperta um filho para a vida.

há lume, chamas bens vivas e calor neste teu post, neste teu poema.

b...jo

Olivia xo disse...

Great Post! xx

Carina Rocha disse...

Ola =)

Bela imagem, é uma imagem tão natural que encanta e mais naturais e belas não podiam também ser, as suas dóceis palavras.

Um texto pequeno, um poema tão simples que diz imenso, e transmite um bocadinho de tristeza embelezada pelas suas singelas palavras.

Que lume que arde na fogueira das palavras, belo, bravo, intenso.

Sandra disse...

I like that stone fence and house, love old buildings, anything really old

Lilazdavioleta disse...

BlueShell ,

Amém !


Um beijo e bom fim de semana ,
Maria

. intemporal . disse...

.

.

. bel.íssimo . mesmo.de.tanto .

.

. um beijo .

.

.

Palavras disse...

Que lindo!

É a peleja da vida e suas missões.

Beijos e um ótimo fim de semana!

Debbie disse...

well written but just a tad sad for me, unless i did not get it!! i think you write beautifully, and i know life is not always a "dozen roses".

interesting structure, i also am curious as to what it is!!

Life Ramblings disse...

a very thought provoking image.

Rohrerbot disse...

As fotos da casa sao lindas!! Eu gosto as casas velhas:)

Bob Bushell disse...

Beautiful picture.

Maple Lane disse...

I love your photographs.

nacasadorau disse...

Lindo!

Mais palavras, não tenho.

Beijo

Halcyon disse...

Nice little hut.

Art disse...

You are a very good writer, you impressed me!
Have a wonderful evening!

Luma Rosa disse...

Para o homem do campo, o trabalho é tudo!!
A foto é reveladora, mostrando como é ainda o Brasil interior!
Bom fim de semana! Beijus,

Marly Bastos disse...

Blue,
Creio que somos tão qual a lenha que queima, uma hora crepita, acende, se torna tenaz e de repente se solta cansada do resto da madeira cansada... As vezes com um bom tamanho ainda por arder, as vezes gastada até o toco.Usaste a vida e morte no teu poema, nascente e poente. A vida é um cilada, não sabemos quando a treva há de embaça-la.
Belo poema, simples, curto e tão direto.
PS: Realmente me ausente por um tempinho do blog, tive que avisar sobre o afastamento pois as pessoas cobram visitas, comentários e eu estava estudando pra defesa da minha tese e quando entro em um blog gosto de ler, comentar e nisso o arroz queima, a roupa seca dentro da máquina de lavar, e o tempo passa e estudar nem pensar né? Mas ja terminei a pior parte, assim posso me dar ao luxo de postar e ler um pouquinho por dia.
Beijokas doces!

Inaie disse...

poema lindo, cheio de dor, de tristeza e de emocao

Andrew disse...

Oh Isabel... life can be a real struggle.
Your poem is so sad..

Big hugs and a kiss from Drew x

mfc disse...

Eu ainda não te tinha dito que reas uma mulher fantástica e sensível?!
Pois fica aqui dito com todas as palavrinhas!
Muitos e muitos beijinhos...

Tunin disse...

O pavor vem antes do nascer, mas logo após, há alegria do sorrir no rosto.
Belo como sempre, Shell.
Abração.

Phoenix disse...

Essa casa parecem aquelas linda do gerês :)

Beijinho e bom ano!*

Fê-blue bird disse...

A vida é uma emboscada e nem sempre o final é perfeito.
Adorei!


beijinhos

Canto da Boca disse...

E tu nos colocaste numa emboscada: e agora o que dizer do e diante do poema?
A mim dá a impressão de que apesar dos elementos poéticos, o texto contêm, de maneira controlada uma raiva, uma resiliência; uma espera de amanhã que inexoravelmente caminhará para a morte, psra outro renascimento, nessa dicotomia que é a vida.
Lembrou-me muito o sentimento cabralino, percebi uma atmosfera semelhante à poética de João Cabral de Melo Neto (o meu preferido dentre todos os poetas).

Beijo!

Maria disse...

Nostálgico, intenso, profundo e lindissimo.
Bom fim de semana
Beijinhos
Maria

OutrosEncantos disse...

impressionante poema!

e a morte é uma emboscada, mesmo!
uma surpresa brutal [até mesmo quando a esperamos].

adorei, Blue.
beijo.

Chatty Crone disse...

I love the way you wrote and explained it to me. My email is
skcz at comcast dot net
would you send me yours so we can communicate better.

That was indeed a sad poem and one that has truth to it.
sandie

Vieira Calado disse...

Desejo um

BOM ANO

para si!

Saudações minhas!

Windsmoke. disse...

Wandered over to say thank you for your comment on my blog and i hope to hear from you in the future :-).

JUAN FUENTES disse...

Amiga Isabel.Tu fotografia denota a tu estado de ánimo,todo lo mira a su parte más negativa.
La poesia inunda todo tu ser,pero no consigue salir de tus pesadumbres.
Tu amigo desea que salgas pronto de ese estado y que tu jovialidad resplandezca otra vez.
Un fuerte abrazo
juan

Isabel José António disse...

Cara Amiga Blue Shell,

Vim "aportar" aqui a este seu blog, navegando entre vários blogues.

De Mangualde já estive diversas vezes e a paisagem que disfruta no alto da Senhora do Castelo é de cortar a respiração. Chegei a ir lá ficar só para ver a paisagem, quando o meu destino era ir para a Guarda.


Lindo poema, intenso e forte na sua estrutura. Muitos parabéns.

O meu comentário também pode ser feito com a forma de poema? Então aqui vai:

"A noite trouxe consigo o grito"
Que a garganta tentava estrangular
Na minha cabeça era a Luz, admito
Que suavemente me vinha só acordar

Senti então a fadiga interior
Todo o meu Ser queria se entregar
Mas somente a força daquele amor
Me dizia: "Tu tens de continuar"

Amor à vida, à partilha ao querer
Amor que dá de si e quer sorrir
Amor que me faz querer também Ver
O caminho que me faz descobrir

E PELO CAMINHO CONSTRUO O MEU SER
DE PEQUENAS COISAS,O TUDO E O NADA
QUE A VIDA É SÓ ESTA ÁGUA A CORRER
E QUASE SEMPRE APARECE ENROLADA

Um bom domingo e que 2012 lhe traga saúde e muita Paz.

Se nos quiser visitar também o pode fazer em qualquer dos nossos blogues.

Um abraço

José António

The Elephant's Child disse...

I followed you home and am so glad I did. This is a very powerful poem, and the photo compliments it so well. Thank you.

João P. disse...

Blue Shell

Poema fortíssimo. Parabéns

João P.

Nilson Barcelli disse...

Magnífico poema.
Gostei imenso, como sempre gosto do que escreves.
Conchinha Azul, querida amiga, tem um bom resto de domingo e uma boa semana.
Beijo.

Luar disse...

Blue

A única coisa que me ocorre é: Que assim seja!
Lindíssimo!

Beijinho

DE-PROPOSITO disse...

“está em Paz…
que assim seja”!
----------
A libertação !...
-------
Felicidades
Manuel

► JOTA ENE ◄ disse...

ººº
Minha querida Blue, linda poesia como te é peculiar ...

Beijo(ta)

São disse...

Muito bom texto, mesmo.

Isabelinha, te deixo um apertado abraço e votos de boa semana.

manuela baptista disse...

agreste escarpado gritante

como as serranias


um abraço

manuela

nacasadorau disse...

Ainda muito triste, mas animando, a vida é mesmo assim.

Beijinho

Mocho Revelado disse...

Agora há um novo blog em Mangualde. Um espaço de liberdade em que a censura está banida.

O MOCHO REVELADO

http://mochorevelado.wordpress.com

Visite, comente e contribua para uma Internet sem censura.

acácia rubra disse...

Não consigo comentar.

Faltam-e as palavras perante a beleza trágica.

Beijo

Silenciosamente ouvindo... disse...

Gosto da maneira que escreve, da sua sensibilidade e da maneira
como trata o assunto.Leio, e volto
a ler muito silenciosamente, depois
comentar é bem mais difícil.
Mas obrigada por me proporcionar
tais textos.
Um grande beijinho
Irene

Zé Povinho disse...

Cada vez melhor.
Abraço do Zé

O Profeta disse...

Então Amiga? O que se passa?


bEIJINHO

Jorge disse...

Que alma grande neste poema!

manuela barroso disse...

Uma poesia de uma intensidade e beleza fantásticas.
Uma foto a condizer.
Parabéns!
Bji

Vítor Fernandes disse...

A noite de cada um será como a noite de cada um.

Muito lindo o poema.

Leonice disse...

Que belo poema amiga, descreves a vida com a ternura da alma!
Ah que imagem!! Tão simples e tão cheia de paz.
Um grande abraço Anjo Lindo.

Maria disse...

Muito forte. Não tenho palavras.

Um beijo.

✿ chica disse...

Volto pra te desejar linda semana e deixar um beijo!chica

intimidades disse...

obrigada eu, pelas visitas, pelos comentarios, e por entenderes como ningume a razao pela qual criei o blog, para celebrar a beleza do nosso corpo, pela beleza, pelo sentimento, e pela força que tem.

E obrigda por nos presenteares com estes magnificos textos no teu

Bjinhos
Paula

Severa Cabral(escritora) disse...

Vim te desejar um lindo dia...com a paz de um dia fenomenal!
Bjssssssssssssssssssss

saboracasa disse...

Como sempre muito bem descrito!

Obrigada Blueshell por passares no meu cantinho. Nunca fiz paté de delícais do mar. Mas fiquei curiosa e vou experimentar :) depois digo o que achei :)

Beijocas e boa semana!

lis disse...

Oi Blue
estive lá no outro blog e li seu texto sobre moderar comentários e tal.
Penso que o melhor método de evitar intrusos é moderando , também faço isso. Anônimos indesejáveis a gente corta mesmo! fizestes bem.
E mais, ignore!
só nao deixei o comentário lá porque meu pc tem dado uns breques de vez em quando e congela tudo , aí tenho que forçar o desligamento e aconteceu quando estava lá , acontece sempre. Vou verificar com algum entendido o que pode ser , alem do mais ,fora de casa, o sinal é fraco e lento.
beijinhos Blue , fique bem e
boa semana

© Piedade Araújo Sol disse...

tão triste, que comove.

uma boa semana!

um beij

Luís Coelho disse...

Que coisa mais linda amiga...
Aqui quem se emociona sou eu

Basta abrir as asas e com a leitura deixar-se voar...os sonhos acontecem.

O João é real e a sua luta assim como da avó continua...

"...e as crianças Senhor...porque sofrem assim..."

diane b disse...

A great description of nightfall.

Francisco disse...

Gostei muito deste blogue,

prometo voltar :)

Beijinho Grande e força :)

O Árabe disse...

Belo e profundo... expressão de uma arte que nasce na própria alma. Boa semana, amiga!

Daniel Silva (Lobinho) disse...

Só um sorriso.

Labirinto de Emoções disse...

Li o comentários da tua Tristeza, nun outro blogue que tambem sigo...mas não consegui aceder a ele...((
Não sei o que se passou mas...daqui vai o meu beijinho de conforto e solidariedade..)))

Teresa

Lídia Borges disse...

O que dizer quando é a sombra a vestir assim a realidade?

Belíssimo na subtileza da palavra.

Um beijo

Daniel Costa disse...

Blue

Interessante poema! Terá laivos de bucólico e, talvez com um certo realismo, muito próprio dos anos sessenta.
Apreciei deveras a abordagem!
Beijos

O meu pensamento viaja disse...

Apesar do "... está em paz ...", é de uma tristeza avassaladora.
Que bem escreves!
Beijo

Vivian disse...

Olá,Blue!

Nossa querida...que forte!
Me deu um nó na garganta...
Lindo e intenso!!!
Parabéns!
beijos!!
*foto linda!!!!
**Voltei!!!Dos meus dias de férias!!(se é que mãe tira férias...rsrs)

MARILENE disse...

Linda foto e magnífico texto. Estive a ler, a reler... Senti vida e senti despedida. Senti carência, fome e aceitação da vontade divina.
Só posso dizer : PARABÉNS !

Bjs.

Paullo disse...

É na simplicidade q os melhores textos são escritos...adorei!!!

Quando puder dá uma olhada no blog, tem novidade... www.paullolenore.blogspot.com

Gillian Olson disse...

Lovely picture and words.

Hugo Nofx disse...

Bom Ano 2012!

Continuação de muita inspiração é o que lhe desejo.

beijinhos.

Lua Negra disse...

Querida amiga voltei. Venho te desejar um 2012 repleto de saúde e de amizades boas e verdadeiras.
Que você consiga realizar todos os seus projetos e concretizar todos os seus sonhos.
Que durante todo esse ano nossa amizade forme laços muito mais apertados.
Agradecida pelas palavras carinhosas.
Beijos de calêndula em seu coração.
Lua

Mar Arável disse...

Palavras com vida por dentro

elvira carvalho disse...

Minha amiga, já toda a gente sabe que tenho muita dificuldade em comentar poesia. Daí que deixe um abraço e o aviso. Se um dia resolver publicar um livro eu vou comprar.

Pedro Ojeda Escudero disse...

Cómo llega ese grito y atraviesa la noche...
Besos.

alegria de viver disse...

Olá querida

Obrigada pelo seu carinho.

Gosto daqui tem lindas palavras e belas fotos.

Com muita alegria BJS.

Fernando Santos (Chana) disse...

Bela fotografia...Belo poema...Espectacular....
Cumprimentos

Lilá(s) disse...

Tenho sempre dificuldade em comentar poemas com medo de "estragar"
só te digo que ADOREI!
js

Sonhadora disse...

Minha querida

Perante o que li...e que vem do mais profundo de ti...deixo apenas um abraço apertado.

Sonhadora

Ginny disse...

What a forlorn shack, your poem goes with it well! Very emotive. I am just returning after an illness and catching up. I hope you have been well??

Elisa T. Campos disse...

Blue Shell

Dizer que este poema é lindo acho pouco. É esplendorosamente magnífico.
Já li e reli. Poemas assim me alegram a alma.

D+
Beijos.

JUAN FUENTES disse...

A mi encantadora amiga Isabel le salió otro editorial de la foto de su amigo.
Tu tienes la mente,siempre en ebullición,tus palabras vuelan hacia tu mano para trasmitirlas.
Tu académica cultura se puede leer y tus pensamientos son tan claros como
el agua.
Un fuerte abraxo

Paula disse...

Escrito com o coração! Parabéns!
:)

Era uma vez um Girassol disse...

Blue Shell, fiquei com a ideia que há uns anos atrás, visitava o teu blogue e depois te perdi...
Agradeço a visita ao girassol, que está bastante parado!
Um belo poema acerca das gentes do campo que conheci à conta do meu trabalho...
Um abraço aqui de longe (Macau), lugar com importante património deixado pelos portugueses e que por essa razão devemos ficar orgulhosos...!

. intemporal . disse...

.

.

. feliz pelas melhoras . do estado de espírito . da disposição . :) .

.

. e,,, .

.

. se quer um conselho . de quem por aqui anda há já alguns anos . não alimente . nunca alimente . quaisquer tipos ou géneros de adversidade . nem aqui . nem na vida real .

.

. o desprezo é sempre a solução . sempre e para sempre . mas . tem de ser total . como uma pedra . preciosa . que se lapida . com muito silêncio . com todo o silêncio .

.

. um beijo meu .

.

.

Vanuza Pantaleão disse...

Blue, minha querida, na tua Emboscada de Poesia eu até caía. Poesia onde até os sinos bebem a treva.
Um beijo amigo!

**♥✿-franciete filipe-✿♥** disse...

Minha querida mais uma vez mostrou aqui os seus lindos dotes e beleza da sua escrita, venho aqui também dizer que se por acaso eu um dia deixar de vir é porque já cá não estarei, e peço que se alguma coisa em qualquer frase a possa ter magoado que me desculpe. Deixo para si o meu sincero abraço e beijinhos de luz e muita paz...

Fa menor disse...

Que a treva dê lugar à manhã clara!

Bjos

Ailime disse...

Amiga,
Um poema sublime de homenagem a tantos gritos abafados de ontem e que ainda ecoam no presente.
Excelente.
Um beijinho.
Ailime

Carmem disse...

Feliz 2012!

Bjim.

Rui Pires - Olhar d'Ouro disse...

Gosto desses locais que apresentas na foto, assim bem sossegados para refletir e mergulhar nos pensamentos, mas à noite aí isolado... huuummmm não me parece!!

Bj

Álvaro Lins disse...

Diz um simples "escrevinhador": excelente:)
Bjo

Kim disse...

Blue
A noite tem destas certezas. Umas vezes, raivas incontidas, outras, entregas de amor (como o teu). Amarga a primeira, doce e terna a segunda.
Beijinho para ti amiguita

Evanir disse...

É sua amizade que desejo lembrar para sempre e estará sempre em meu coração,
mantendo-nos aquecidos, fortalecidos e segura de que nunca estarei sozinha.
E é assim que eu guardo você
Minha linda Amizade.
E é assim que eu quero guardar...
Como alguém que estará longe, mas sempre lembrará de mim.
Obrigada pelo carinho nesse um ano de Viagem comigo.
Obrigada por estar do meu lado sempre sem notar meus defeitos
me aceitando como sou.
Sei que deixo muito a desejar em responder a sua visita
mais tenho cada amigo e amiga no coração.
Me perdoe por levar uma unica mensagem para visita
infelizmente minhas mãos não ajuda .
Porem me sinto feliz e recompensada por todos entender minha situação.
Na postagem tem uma presente desse dia tão feliz para mim
ficarei feliz em encontra-lo no seu blog.
Obrigada ,Deus esteja com todos nos nessa jornada
que Deus me permita estar contigo por muitos anos ainda.
Beijos e carinhos.
Evanir
Amiga esta tudo bem?
Você esta de ferias?

Manuel disse...

Sempre que aqui venho há uma surpresa à minha espera.
Hoje, cara amiga, julgo que superou tudo o que até agora eu vinha lendo.
Este poema é uma autentica pérola.
Magnifico.

Carlos Ramos disse...

Diz o povo, mas pergutaram-lhe se estaria....? bom poema...

Joey disse...

Beautiful... God Bless you!
Joey

Jorge Pimenta disse...

ainda que em verso, estas tuas palavras reenviam-me ao imortal neorrealismo português... com estas crises, troikas e agiotas todos, talvez entremos numa nova fase, assim como que neoneorrealista. adivinhada? talvez. desejada? seguramente.
beijinho!

Rogério Pereira disse...

É tão belo
que ainda mais me faz sentir
quanto é desoladora a resignação...

Lowell disse...

The photo speaks to the poem and vice versa...both are powerful. Let us hope that someday, "Peace is..."

Amen!

Anónimo disse...

proclaimed a lot of people reimburse your loans timely and additionally with out bank charges
A respected personal debt a good cause can possibly expect the quantity of people today looking towards him or her pertaining to enable throughout online payday loan financial obligations in order to two-fold this unique. arrears nonprofit charities states near purchased that payday, huge appeal to loans this year. The good cause shows 3 years past how many customers with them seemed to be simple.
pożyczka 6 tysięcy
przeczytasz o tym tutaj
pożyczka 4000 bez bik
pożyczka na dowód
kliknij następną stronę

http://kredytybezbik24.net.pl
http://szybkapozyczka24.info.pl
http://pozyczki-prwatne.org.pl