domingo, novembro 13, 2005

Assim é...

selvagem1

(foto de BlueShell)

Todos, em momentos vários de nossas vidas precisamos de um abraço, de um carinho, de um sorriso...
A vida tem os seus espinhos mas deles podem surgir belíssimas flores...

Hoje, manhã cedo...algum desalento..
E palavras, [estas,] me surgiam e insistiam em se fazer ouvir pom mim adentro:

sorvo

(foto de BlueShell)


Sorvo o ar...
Sensação de estar viva.
Viva!
Estar!
Ser golfadas de ar.
Ser água revolta
em leito que me devolverá ao mar!
Aí fecundar,
Ser feliz...no mar!

Sorvo ar...

(devaneio de uma concha que, por ser azul...é estranha, sem dúvida!)

41 comentários:

AS disse...

Tu, Mulher, Mãe, Poema ou Prosa
Imenso mar de afecto e paixão
Gostaria de te dar uma simples rosa
Mas sem espinhos.. apenas em botão!

Se sentires que esta rosa que te ofereço
Te tocou levemente o coração
Esta rosa para mim não terá preço
Mesmo sendo ena rosa, apenas em botão!


Para ti com um abraço grande

Anónimo disse...

Hum...que maravilha,que ...perdição!!
Hoje foi um dia estranho,devaneios muitos...e tanto que me apeteceu um abraço,sorri,coisas de conchas,o meu pai chamava-me muitas vezes assim,no diminutivo...
Dias de saudades são um acre-doce,ataques de ternura em siléncio...ups!lembrei-me do Frank Sinatra,...under my skin,ah!bem...segredos...
Um beijo imenso para ti,és uma conchinha...melhor a minha concha preferida,gosto muito de ti.
Lua

TMara disse...

n/ tão estranhos assim. sentimentos de reunificação com os ritmos da natureza, o pulsar do mundo. boa semana. Bjs de luz e paz

≈♥ Nadir ♥≈ disse...

Conchinha,
Muito bonito...
Bjx

Malae disse...

Sorve o ar, amiga!Respira fundo e sente o teu corpo encher-se de Vida! A tua força virá sempre ao de cima!

Aqui fica um abraço,um carinho,um sorriso...para uma conchinha especial! Que por ser azul é ainda mais bonita!

Beijinhos doces e ternos,
Malae***************

Zecatelhado disse...

Então, boa amiga conchinha azul, aqui vai o meu
@BRAÇÃO para quem tem um coração bom.
Boa semana para esta casinha doce.
Zecatelhado

Daniel Aladiah disse...

Querida Blue Shell
Ser azul ou triste... mas suspeito que és uma concha bem alegre... mas dada a suspiros interiores.
Um beijo
Daniel

JL disse...

Há lá melhor alento que um sorriso e um abraço de quem nos ama? Todos precisamos e gostamos. Um beijinho.

CP disse...

Lindo.
Boa semana.

singularidade disse...

Gosto de passear no teu recanto, onde encontro algo suculento para matar a sede.
As fotos estão lindissimas.
Beijo grande

Sparkling disse...

Olá! Encontrei o teu blog e gostei muito de o visitar!
Gosto muito da forma como esvreves e das fotos!!!

^* Boa semana! *^

Bumfi disse...

Gostei do poema, fez-me relaxar..Flumfi Productions

R/B Estação disse...

Desculpa-me a ousadia mas revi-me completamente neste poema. Esta fase da minha vida. Tá a custar a passar, mas desde ja obrigado pelo teu abraço, que me deixaste neste poema, no seu acreditar!!
Bjs.

ricardo disse...

sempre o mar que nos escute e nos abraça. sempre o mar para termos a certeza de que estamos vivos.

sempre. o mar.

(um refúgio de sempre.)

amita disse...

Uma concha que poderás achar estranha, mas que é linda, como lindo e sentido é o teu poema. Um bjinho grande e uma flor para que a semana seja mais colorida

Peter disse...

Estou aqui sem teclar, apenas ouvindo a música ...

Bruno António disse...

...Em Mangualde o mar é imenso e os seus seres fantásticos...


Bjokas!

Maria do Céu Costa disse...

Deixo-lhe como comentário uma apologia à mulher, por mim escrita.
"Mulher,
navio carregado
que não oscila
sobre as ondas."

Beijinhos.

Aran disse...

Passei para te reler... dar-te um beijinho e agradecer as tuas calorosas e hulmides palavras/abraço... beijinhos

Terreiro disse...

Os espinhos é que nos fazem Homens e Mulheres.
Depois ... Depois é o amor!

Bemsei disse...

Lindo este blog. Vou vir mais vezes!

Sulista disse...

o Mar imenso, fonte de inspiração e de Vida, já chegou a Mangualde??

Ai ai...continuo a adorar ouvir esta música :-)

Beijitos

Amaral disse...

Todos temos os nossos momentos de carência, uns mais acentuados que outros.
O devaneio da tua concha mostrou-te a face iluminada daquilo que sentias. Não foi por acaso, certamente. Ser água e ser ar não é só uma magia poética de expressão. Sentires que tudo te pertence e com tudo te identificas é uma ideia que, por intantes, te ilumina...

Cakau disse...

POr não estar nos meus dias, apenas deixo um beijinho carinhoso para ti *

ognid disse...

Já há muito tempo que não te visitava Conchinha. Sentimentos que dão azo a poemas bonitos. bjs

contradicoes disse...

Sorve o ar de que precisas
para poderes respirar
pronunciando frases concisas
neste teu modo de versejar

Beijinho do Raul

peciscas disse...

É bom sorver o ar.
É bom estar vivo!

Su disse...

sorve o ar, vive, respira fundo
enche-te de ar
eu sorvo tuas palavras como se estivesse com falta de ar:) me faz bem
jocas maradas

Pink disse...

Devaneio belo este! Mas perante uma paisagem destas com um maar assim enquadrado, eu que não sou concha mas amo o mar, também entraria em devaneios (pena não os saber passar para palavras lindas assim)
Um beijo

antonior disse...

Lindo....sem mais...nem menos!

:-) :-)

maresia_mar disse...

todos temos dias em que precisamos de carinhos, de mimos, e um abraço amigo,lindo o que escreves... o mar, o meu refúgio, também o meu grito de libertação, que me faz sempre sentir que estou viva. Bjhs

Vivis disse...

NOs faz falta um abraço, um sorriso... mas como é reconfortante encontrar palavras tão ternas. Obrigada!
Beijinhos

wind disse...

Bonito poema, belo devaneio:) beijos

AmigaTeatro disse...

oh blue,
apesar de bão ter mto tempo ainda consigo cá vir, para ir lendo - devagar - e te dar um beijinho*

Carmem L Vilanova disse...

Linda BShell,
Assim é a vida, bem o dizes... felizmente a vida nos oferece espinhos... justamente para que possamos apreciar e reconhecer a beleza da rosa e aprender a ser feliz, apesar dos pesares!
Beijos muitos, minha linda!

Pedro Nobre disse...

Adorei o teu poema e concordo com ele.

Pedro Nobre ;)

***sweetness_girl*** disse...

Lindo!
Tudo na vida se transforma,e o q hoje parece indestrutível ou grande demais para nós,amanhã se torna pequenino e frágil!
Bjinhos :*

gato_escaldado disse...

gostei mto. desse sopro de vida. sorvido. beijos

zuraças disse...

Amar é... imaginar que o vento que sopra na nossa face são beijos de alguém que nos acompanha durante todo o dia!

Mais um texto fantástico!

Blueshell no seu melhor!!!!

António disse...

I´m glad you are in a good mood.

Kisses and hugs

Viajante disse...

Nenhuma concha azul é estranha. E esta é belíssima. :))

beijos