quinta-feira, maio 18, 2006

Absurdo!


Enquanto escrevo me apercebo da imensidão de sentimentos que percorrem todo o meu corpo…
Sentimentos …os mais variados, transformados em vontades, em desejos, em pedaços de mim…

Talvez que se eu não escrevesse os não sentisse…Absurdo! Eles estariam comigo do mesmo modo! Apenas…talvez os não pensasse!
Mas se os penso…não os sinto verdadeiramente. (já Fernando Pessoa se contorce ali no canto mais escuro do escritório…)

E eu quero sentir…não quero pensar. Quero sentir intensamente para poder saber que estou viva ainda.

Estarei?...se o que me percorre todo o corpo não forem sentimentos mas recordações de um outro ser que já fui…e se enquanto escrevo se suspende o sentir…se dá voz à razão…
Então…algo morreu já em mim, sim! Porque não sinto com autenticidade…apenas reajo a estímulos que já foram e passaram com o Tempo e como o Tempo!

27 comentários:

Pecaaas disse...

E onde acaba a recordação e começa o sentimento????
Bjs
Pedro

Alex Flôr Negra disse...

O sentimento e as recordações podem ser sempre passado,futuro e presente...
Podes estar sempre viva apesar do momento...
Tudo depende do momento!

Ex:

-Parece que ainda sinto o que te disse à dias...

-Isto que estou a sentir por ti vai ser pra toda a vida...

-O que sinto neste momento é demasiado forte para to dizer literáriamente...


Consegues recordar?
Se eu consigo, tu também consegues!
*

de Matos disse...

ja alguem muito conhecido dizia, penso logo existo.
e se pensamos é obvio que setimos.
bjs

≈♥ Nadir ♥≈ disse...

Para mim é Inconcebível sentir sem pensar e vice versa...
beijos

Musician disse...

A vida tem coisas assim!
Tens um coraçao lindo.
Beijinho doce

Salvador disse...

O teu escrever
é sentido
adorado
amado...

Catwoman disse...

Sentir é o caminho para te encontrares nos teus estados ausentes...


Miauu*

Princesa disse...

Olá pequena Blue, vim deixar um beijinho que não te dei na terça feira (lembra? o dia em que precisavas muito de um beijo...imagino que não do meu...mas enfim! sorriso!!!)
Gostei particularmente da foto deste Post...cheia de mistérios e de simbologia!

Abraço grande,
Princesa

Sea disse...

julgo que, para escrever sobre algo, basta alguma vez ter sentido isso...

Arion disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
Arion disse...

Concordo com Sea. Eu, que sou muito limitado e egocêntrico, não sei escrever nada que não sinta... ;)

Hindy disse...

Beijinho da alma :)

augustoM disse...

Shell, agora és um fantasma sentimental? Sabes que o que dizes é verdade? Na passagem do material para o etereo, as paixões, os sentimentos e os desejos não são perdidos, só quando se passa para o astral tal acontece.
Teosofia pura minha amiga.
Um beijo. Augusto

Amaral disse...

Hoje, não gostei!... Como pode alguma coisa morrer de ti???...
Fiquei triste, e desejo-te um fim de semana com muita paz, ternura no olhar e amor no pensamento e nas acções.

Isa Calixto disse...

Venho só deixar o beijinho nesse teu momento...deixar o tempo a passar por ti, docemente no pensamento, sem perda nem lamento...

Jinho de bom fim de semana

dark disse...

um belo exercício, bem escrito, mas no meiome parece existir uma qualquer falácia...Bom fim-de-semana

alicen disse...

São momentos, uns que vão outros que vêm...
Não deves deixar-te abater.
Vem apreciar os meus chapelinhos!

Daniel Aladiah disse...

Querida Blue Shell
Pensar no sentir... sentir o pensar, tudo no cérebro? Ou noutra entidade que é a nossa? Como pensar e sentir sem corpo? Apesar de tudo, sei que é possível...
Um beijo
Daniel

Estrela do mar disse...

...passei para deixar um beijinho e desejar um bfs...

Lucyflower disse...

Confuso...se bem que muitas vezes não precisa-se entender, basta sentir-se!Lindo!

tb disse...

Muito bem...deixo beijos

saisminerais disse...

Quando se escreve acontecem as mais variadas coisas!
Eu por exwmplo, já escrevi e chorei ao mesmo tempo
jáescevi e ri ao mesmo tempo, mas quando os sentimentos
in-louco são saudades de tempos findos, então paro para
me dedicar a essesas recordações.
Alegra-te por te sentir, por estares assim...
Triste quem já não pensa, não sente, não lembra.
Deixo aqui um beijinho e um desejo que tehas um bom
fim-de-semana

Eli disse...

Por uns momentos perdi-me nos teus pensamentos... soaram um pouco meus também...

Choninha disse...

Gosto imenso da fotografia. Onde é?

Um outro olhar disse...

recordações sem sentimentos é difícil de existir

algo não morreu nem morre apenas tem menos força e se morrer , volta outra vez a renascer ou a ganhar força.

quando surgir a nova força ou o renascer, os estímulos seram os mesmos mas sentirás de forma diferente, pois cresceste e avançaste mais um pouco.


:)

Nota: foto muito bonita

Å®t_Øf_£övë disse...

BlueShell,
Quantas duvidas!!!
Por vezes o mal dos nossos sentimentos é pensarmos demasiado sobre ele, e assim seguirmos a razão em vez de seguirmos o coração.
Bjs.

al cardoso disse...

Coisas lindas escreves e sempre a acompanha-las sempre belas fotografias, esta entao com essas interessantes e antigas gravacoes, deixou-me deveras intrigado.
Que mensagem quereriam legar-nos quem as fez?
Se a casa e tua cuida essa bela pedra.

Passo por ca sempre embora possa nao deixar rasto.

Um abraco beirao.