sexta-feira, janeiro 05, 2007

INTEMPORAL-IDADE!

caminhos1

(foto de BlueShell)

Não é poema!

São palavras que desconheço e que não sinto!
São tormentos de uma vida vã,
Existência a preço!

Não é poema!

Desvario de quem nada tem já
Para dar. E o passar do tempo, lento
Repete cada dia o mesmo sofrimento!

Claro que não podia ser poema!...


44 comentários:

Plum disse...

Bom fim de semana!!!***

Cris disse...

A vida, só por si, é um poema, temos é que aprender a lê-la...

Um beijinho mto grande

Bom Wk!!!!

bjos

C.

marta disse...

Mas quem escreve este não poema ainda tem muito para dar.

Linda esta versão do Avé-Maria de Shubert

Um Bom Ano BlueShell

Amaral disse...

Só pode ser poema autêntico quando brota do ser e toca quem lê...
O poeta tem tudo para dar. Por isso, faz a poesia que encanta.
Quem escreve o que não é poema, escreve aquilo que o coração sente.
Também aqui (tu) tem tudo para dar! Mesmo que o tempo passe, lento ou monótono. A existência tem esse dom: reconhece o despertar da consciência. E quando assim é, estaremos todos vigilantes, porque a vida NÃO é vã, nem o sofrimento tem razão de ser...

Alvaro Gonçalves disse...

Oi meu anjo,

Hoje passei por aqui apenas para te deixar miminho e desejar-te um lindo dia de Reis, um doce fim de semana e uma semana cheia de luz em teu coração.
Bjokas mil e xi - corações.

Jofre Alves disse...

Passei para ver como ia o Ano Novo, e com agrado constato que a qualidade é a de sempre, igual ao ano anterior, sendo imprescindível vir aqui. Resta desejar Bom Ano e óptima semana, e já agora, faça o favor de ser feliz.

DE PROPOSITO disse...

Olá.
Vi o teu desabafo em jeito de oração.
Quero que fiques bem.
Um beijinho para ti.
Manuel

Je disse...

O Amor...

O amor quer amar...
Porquê é a única coisa que sabe fazer..E amar...
Não sabendo odiar...Ama...
Não sabendo esquecer...Não esquece,
Não compreendendo o perdão...Perdoa...
Mesmo que digam para não ter esperanças...Acredita na espera...
E ainda que falem que o amor morreu...
Lhe é incompreensível a morte (do amor)...
Porque...Amor transcende...
Que digam os poetas que daqui já foram (eles foram?)
O amor ficou...Ficará...

Guilherme F disse...

Passo só para te ler. Levo nos olhos a simplicidade das palavras.
bj
Gui

Mirmidão disse...

Estou de regresso a estas lides.
Aquele @bração de sempre

O Mirmidão

Bel disse...

Pois por vezes mais que um poema uma liçao

Isaac disse...

Não é um poema, mas sua formação segue de maneira a ignorar qualquer manifesto contrário...

naoseiquenome usar disse...

Claro que é poema, declarando sentires.
Esses sentires é que têm de mudar!
Vá lá!
Toca a levantar!

**Arclight/Chronicles** disse...

seja ou não poema,adoro ler-t!
as pekenas palavras sempre têm mto a dizer!

és uma album d recordações!!
adoro cá vir pela beleza natural do teu ambiente!

sempre sublimes as fotos!

bj d luz em ti************************

Delfim Peixoto disse...

POis podia... uma palavra só, é um poema, desde que bem escrita e sentida
jnhs

Delfim Peixoto disse...

POis podia... uma palavra só, é um poema, desde que bem escrita e sentida
jnhs

TONY, Duque do Mucifal disse...

gostei!
mas prometeste um texto alegre...ainda tou á espera e olha que por vezes sou impaciente.
eh eh eh
BOM ANO DE 2007

Andreia disse...

Descobri hoje este blog..estou sem palavras e com tantas lágrimas..Gostava de partilhar a história da concha azul com um grupo de amigos durante uma semana missionária na semana da páscoa, num momento de reflexão. Espero poder faze-lo se não te importares, claro. Obrigada por este pequeno paraíso..não pares de escrever e de fotografar.

AZUL disse...

Simplemente foto y letras...hermosas!!

Mil bikos

Peter disse...

"conchinha", não sei que te diga. Vive intensamente este dom inestimável que é a vida. Hoje já é tarde demais.

Paulo disse...

olá :) boa noite, em primeiro lugar peço desculpa pela minha ausencia mas devido a assuntos pessoais não me foi me premitido a minha presença no mundo dos blogs. Mas cá estou eu de volta com novo textinho vim te agradeçer por teres lá passado no meu catinho e teres deixado o teu comentário e também te desejar boas entradas que 2007 seja melhor que 2006! na contretrização de todos os teus sonhos, desejos, objectivos, e projectos. um abraço, Paulo

Wings disse...

O sofrimento são rugas cravadas no tempo, lá ficaram eternamente, mesmo depois de no tempo... o nosso tempo terminar...

Um intemporal Beijo

Eduardo Leal disse...

Muito bom!
E a música é sublime.

Um Bom Ano!

meialua disse...

Beijinho querido*

Barão da Tróia II disse...

Imtemporal é este blog que por mais tempo que passe, está cada vez melhor, boa semana.

Daniel Aladiah disse...

Não é poema, mas lamento sem tempo...
Um beijo
Daniel

Diogo Ribeiro disse...

Não sendo poema será palavra-tristeza, enredo-amargura de quem numa vida se perdeu.

serenidade disse...

Nem imaginas o quão de bom tens dentro de ti para dar e.... receber...é só deixares a luz entrar e deixares envadir-te pela serenidade da vida...

Um beijinho de luz serena.

ACENDALMA disse...

A Existência Intemporal não tem preço! O lucro é sempre superior ao preço pago…
E, o passar do tempo, mesmo com sofrimento, e até por causa dele, alimenta incessantemente a criatividade do fotógrafo poeta…
(Ao contrário dos modelos fotografados).

Talvez

João ao Lado do Mar disse...

Claro que não é um poema,
poema teu sem alma e alegria não é poema,sofrimento,palavra pesada para quem tanto gosta de amar...
Que o Amor te eleve para locais belos em que tu tanto nos elevas em palavras doces.
Eis o meu regresso com algumas modificações...
Mas sempre o mesmo ;)
Um beijo Blue shell ;)
tem uma boa semana ;)

rui-son disse...

Que interessa se é poema ou devaneio de alma? Se é expressão ou invenção? Mesmo quando se escreve o que não se sente, acaba por se sentir algo. Por isso que interessa o nome? Se é poema ou não? Pode até não ser poema, mas o que interessa é o que está escrito nas entrelinhas.

Secreta disse...

A vida é um poema.
Beijito.

mixtu disse...

não é poesia... a poesia é ...

:)

beijinho

pisconight disse...

Poeta é aquele que vive intensamente e que passa para a escrita todos os sentimentos que está a viver no momento... e tu fazes isso tão bem!!
Bjs
;)

Martuxa disse...

Tudo é poesia e poemas =)

Um Poema disse...

Poema ou não, será aquilo que quiseres. Mas que é lindo, sem dúvida que é. Tal como a fotografia que o ilustra.
Um abraço

Salvador disse...

Poderoso...

1 beijo com amor

Juℓi Ribeiro disse...

BlueShell:

Poema belíssimo,
em forma de fotografia!
Esta foto, sobreviverá
e renascerá nos olhos
de quem a ver.
Nas tuas linhas,
embora com contradição,
também escrevestes um poema,
vindo da fonte do teu coração...

Um beijo.*Juli*

Menina_marota disse...

E é um Poema, que dói... a cada momento sentido.

Passei para te desejar um feliz e sereno 2007... (adoro esta musica!!)

Um abraço carinhoso

anjoedemonio disse...

passei para deixar um olá!

:)))))

Vida disse...

É poema sim e bem sentido e dorido.

Beijos.

diabinho disse...

Acorda desse pesadelo.
Muda o que achas que está mal e segue em frente. Não vale a pena insistir numa vida sem futuro...
Passa a página do livro e começa a escrever um novo capítulo na tua vida.

Beijinhos

Fatyly disse...

Ficar no marasmo não nos leva a lado nenhum e há que seguir em frente. Quando deres por ela verás qantos poemas perdeste!
Beijos

Seth disse...

Blue,

esse é um poema de dor imensa. essa coisa triste que, às vezes, de escondida que estava dentro da gente acha de dar as caras. Intemporalidade. Céu azul, praças vazias, e nada dentro da gente além de tristeza.

Seth.