quarta-feira, abril 15, 2009

Decidindo...sempre...

road.

(foto de BlueShell)


A nossa vida é feita de escolhas, de decisões …


Por vezes evitamos os caminhos íngremes e sinuosos porque temos medo de acabar perdidos; além disso é mais cómodo, e aparentemente mais seguro, seguir por uma estrada larga e com boa visibilidade…


Porém…são, mutas vezes, os caminhos aparentemente íngremes que nos levam longe…enquanto que a estrada larga e asfaltada… súbito termina numa enorme desilusão.
Sabemos então que tomámos a decisão errada porque o fundamento da nossa escolha foi a aparência…o desejo de facilitismo…o querer chegar mais depressa …e com o menor esforço possível.


No momento de decidir temos de ponderar, temos de antecipar que opções temos e quais as consequências prováveis que virão de cada uma das opções a tomar. Devemos antecipar se a decisão irá ser boa num futuro próximo …mas péssima a longo prazo. Devemos ainda ter em conta até que ponto a nossa opção irá, ou não afectar outras pessoas…positiva ou negativamente!


Depois, bom…depois há aquelas escolhas que fazemos sem pensar. Ou porque achamos que são coisitas banais, ou porque estamos cansados, ou irados…ou simplesmente porque queremos “despachar a coisa” e seguir em frente! …pois! …muitas vezes, … essas, são as decisões que nos levam, mais tarde, a momentos de desespero, dor, arrependimento…e para as quais já não há solução possível. Está feito…está feito…o Tempo não volta atrás, é implacável, inexorável…estamos condenados a viver com as consequências dessa nossa escolha e carregar o seu peso para o resto das nossas vidas!...


Porque a nossa vida é feita de escolhas, de decisões…


8 comentários:

Amaral disse...

Concordo contigo, Blushell. A vida é feita de escolhas e todas aquelas que enumeras são as praticadas no dia-a-dia.
Porém, todas as escolhas são úteis e provocam os seus efeitos.
E não temos que carregar pesos a vida inteira. Temos, sim, de escolher de novo... e criar, recriar... até que nos sintamos "em casa", naquela satisfação interior...

Anónimo disse...

Como sempre um mais bonito que o outro, escritos com emoção,com sentimentos que vêm bem do fundo do coração. Infelizmente a vida é feita disso mesmo, feita de escolhas e nem sempre as melhores e as mais certas. Não desista e lute por esse Amor que sei que a fará finalmente feliz. Um beijo amigo de quem sente saudades suas. nunca desista. Tina (Albertina)

entremares disse...

Os caminhos mais íngremes não são forçosamente os que nos levam ao jardim mais belo, nem as estradas mais largas nos levam sempre à desilusão...

Muitas vezes, nas encruzilhadas, ambas as opções têm a mesma largura, o mesmo aspecto, a mesma dificuldade. Mas nós já temos a escolha feita, por pressentimento, teimosia, ou outro motivo qualquer...

E depois... é claro que teremos sempre consequências. Mas só depois da dor da queda poderemos sentir o prazer de levantar e conseguir caminhar de novo...

Su disse...

viver é optar----sempre---escolher

sempre


jocas maradas de cicatrizes

Nilson Barcelli disse...

O que convém, acima de tudo, é não escolher caminhos sem saída.
Cara amiga, bom resto de semana,
Beijos.

Su disse...

gosto tanta de vir a este blog e ler.e reler e tornar a ler

qq dia te peço um texto teu para postar..........vero.

jocas maradas de sentires

TMara disse...

foi bom reencontrar-te lá no meu novo espaço: http://tmarts.wordpress.com
muito bem dito. Escolhas, escolhas, das coisas insignificantes às significantes. nem nos apercebemos do nº de escolhas diárias.
Bjs
Luz e paz em teu caminhar

deusa da lua disse...

Alegria - O bom humor espalha mais felicidade que todas as riquezas do mundo. Vem do hábito de olhar para as coisas com esperança e de esperar o melhor e não o pior. (Alfred Montapert)

Te convido a visitares o meu cantinho

www.mundomar.blogs.sapo.pt

bom fim de semana