domingo, janeiro 09, 2005

NÃO ME DETEREI!

...
Por entre as brumas senti
Tua presença... não havia sol e
O Céu me disse:” Não! Ainda não!

nabruma

(foto de Rogério Pires)


E cansada prossegui
Jornada....me
Arrastei,
Arfando,
Gemendo,
Tremendo,
Caindo e
Me erguendo...

“Não me deterei até
Ouvir de novo
Tua voz” – jurei!

57 comentários:

erü disse...

E como é bom ter-te de volta, a escrever os teus poemas! Espero que a fase menos boa já tenha passado. Beijos*

Aromas Do Mar disse...

E quando uma certeza destas existe desta forma em nós, nada nos fará deter. Gostei muito!
Começo de boa semana
Beijos da mar revolto

Dream disse...

Belissimo..

Beijo mergulhado num saquinho de agua quente,as melhoras.. é uma questão de dias, espero eu. :*

El Criminoso disse...

Tens uma sensibilidade muito porreira...

... e com esta frase, mostro toda a minha sensibilidade: "muito porreira"

Once a criminoso, always a criminoso... ;)

(obrigado pelas visitas ao meu bunker)

CPC disse...

Que essa força te acompanhe sempre... erguendo-te a cada queda! *

Pecola disse...

:) Não páres perante nada. Tudo a seu tempo, é certo.. Mas se for preciso, constrói tu o momento. ;)

O Turista disse...

:)
Força, luta pelo que queres!!
Bjokas!!

O turista - http://www.turistar.blogspot.com/

Anónimo disse...

Não te arrastes nem te deixes levar demasiado... podes acabar por te perder em busca de uma voz que nunca foi suposto ouvires... =)


JR Ewing
http://oeixodomal.blogspot.com

SKN disse...

Muito bom... não é o melhor que eu ja li, mas é muito bom!

A imagem é que é LINDA!

Beijos

Anónimo disse...

É preciso é ter sempre forças para continuar a lutar, ter coragem e não desanimar...
Linda a imagem que escolheste...
Beijo.

Eliwitch
www.livrodemagoas.blogdrive.com

O Micróbio disse...

Também eu não me deterei muito... mas gostei! :-))

O Vizinho disse...

Gostei da tua força de vontade.

AS disse...

Um dia, ouvirás essa voz surgir como uma melodia do meio da bruma que teima em esconder o teu sorriso...

Um Beijo

Micas disse...

Que essa força te arraste sempre. Beijinho e boa semana

Viajante disse...

Não me deterei!
e às vezes não se deter passa por se acalmar, serenizar a alma e dar-se tempo.
Obrigado, BS.
Gostei de te ler.

BlueShell disse...

Viajante...acabei de comentar lá em tua casa....até pensei que me tinhas abandonado...agora vejo que não. Obrigada...
isto está lento....agora é que eu vejo como sofreis quando quereis comentar...ISTO demora....IRRA, HAJA PACIÊNCIA E TEMPO......BS

Madalena Pestana disse...

"jurei"

Cumpre!

:)

Bjs.

Luis Duverge disse...

Vim aqui despentear a tua alma,
andam muitas almas perdidas lá para o lado da Ásia,
vim desafiar-te para largares os "papéis", a monotonia do frio, do granito e dos lençois, e bater à porta da tua consciência.
Queres vir para o outro lado do mundo ?
A tua resposta: ... NÃO ME DETEREI!
A minha resposta: Pois a vida ... continua, e os formalismos, convenções e outras formatações também continuam.

Um beijo e bom trabalho.

Vera Cymbron disse...

Não te detenhas, não... de ouvir a outras vozes também, que podem ser tão ou mais importantes que esta outra que tanto anseias ouvir.
Jinhos...podes sempre ouvir a minha também.

Angel disse...

Mesmo quando o mais terno ser não nos acompanha sentimos a sua presença!
A voz de uma pessoa, uma simples frase muda tudo.. e ai nós não conseguimos aguentar e caímos.. caímos sem força porque a voz assim manda..
* * * *

Pintelho disse...

Adoro saborear os teus posts e imagens!

Anónimo disse...

gosto dessa atitude forte.

. McCoy [tintacinza.blogger]

SalsolaKali disse...

Parece nunca ser tempo. Demora-se tanto, e as palavras parecem nunca mais ser proferidas.
Pacientemente, esperamos pelo momento que parece não chegar, nunca.
…e juramos
Juramos.
Acreditamos.
Apesar da ausência de luz e da neblina cerrada.
Que se há-de fazer…
BJ
SK

MONALISA disse...

É o sonho que nos faz correr. Que nunca o percas de vista. ( Espero que as coisas estejam bem agora ). Beijo

lima disse...

Continua em frente!! E entretanto, fica atenta a outras vozes que te possam sussurrar ao ouvido... ;) Beijinho e coragem!

augustoM disse...

Na vida as coisas nem sempre são fáceis, mas não devemos desistir mas sim insistir.
Um beijo. Augusto

Cacau disse...

Gostei, nem tenho palavras! :)

sotavento disse...

Ai, os timings!... :)

mfc disse...

Queria pedir-te um favor.
Muda o sistema de comentários para o da Haloscan... ou mantém este com o novo!
É um tempo imenso!

JAP disse...

Fartei-me de rir com o teu comentário. Porque é que achas que andas noutro planeta?
Bjs

AS disse...

B.S. venho agradecer as palavras tão gentis que deixaste lá no meu "canto"...

Um beijo

Aran disse...

Está simplemente magnifico! Adorei o poema e a foto! beijinhos

Ana Catarina disse...

Quem cansa sempre alcança... não é assim q custumam dizer?!...:)
bj**

Du disse...

Gosto muito do seu blog... Já não te disse?
LOL
Concordo com Lima... Vá sempre em frente...
Não desista!!!!
Mas não deixe de olhar a "paisagem"... ;)
Até! :)

litle lucy disse...

que belas palavras
Um silencio que bate bem no fundo da alma irradiando a
um beijo Rose**

Águas de Março disse...

É a terceira vez que tento postar aqui hoje, está muito difícil, linda. Como vai o teu pai?
Um beijinho cheio de amizade, sim?

ognid disse...

Olha que juraste BS... agora tens de continuar a procura. beijos Conchinha.

LolaViola disse...

Obrigada por teres percebido o meu último post na Conchita. Sabes que nem eu mesma o percebi muito bem. Mas agora depois de ler o teu poema, talvez seja essa voz que preiso. Não a dos outros, mas a de mim própria.
Como a que se ouve nestas fotos que pus no outro blogue.
http://ascoisasquegosto.blogspot.com/

Um beijinho e mais uma vez obrigada pelas tuas visitas regulares. Eu ando à procura de mais tempo...

aba disse...

Essa busca não tem fim, amiga!
Um beijo!

Paulo disse...

Lindo...sem mais palavras para dizer.

Aluena disse...

FORÇA AMIGA!... Vai valer a pena vais vêr. Estás aonde? As TÁGIDES ninfas do Tejo enviam-te beijos com sabor a maresia.

LolaViola disse...

Não desistas de te encontrar. Eu ainda procuro. Sabes como se forma uma pÉrola? Encontra-se como se fosse um milagre dentro de uma concha. Um beijo

Alexandre Narciso disse...

E eu acredito que vais cumprir...
Beijinhos
*A

amita disse...

Venho somente reafirmar que o que disse no Conversas é verdadeiro, é sentido por mim. Passo muitas vezes por aqui, mas não comento, tal é a beleza das tuas letras.
Não me leves a mal, sinto a Amizade por igual, quando aqui passo na sombra. Bjinhos, melhoras para o teu pai, que tenhas um bom dia e a Beleza te sorria, sempre.

Menina_marota disse...

23ª. tentativa de postar!!! Será que é desta? senão for, pró ano tento novamente!!! Este Blogger não gosta mesmo nada de mim!!!! Deve ser por eu ser do sapo... eheheh

Anónimo disse...

nuncam e resolvi a escrever, mas hoje lá vai.
gosto de tudo, da paz que daqui levo.

Ana (2º esquerdo)

Kabum disse...

Entao a menina passa de uma foto daquele tipo para a Natureza?! Assim perdes clientela hehe brincadeirinha
Fora de brincadeira, foto muito fixe, adoro a natureza e texto a altura

Ana disse...

acho que nao percebi exactamente onde querias chegar com o texto, nao sei. De qualquer das formas, nada nem ninguem devera deter-nos. Beijinhos

Fernando B. disse...

Voando por entre as Brumas de Avalon, montado no seu cavalo alado, o Visionario procura encontrar a Verdade na Fantasia.

O teu Blog encontra-se na Lista de Subscritores, do Apelo à Humanidade (a ser publicado dentro de poucos dias, em simultâneo, pelos Blogs aderentes). Confere por favor.

Beijocas,

Anónimo disse...

dxculpa a nha ausencia mx tnh andand cmpletament paxada cm tanta coisa q tnh pa fazer.já sou fã ds teus textos, axo q escreves magnificamente mesmo...vou.te linkar,bjox**
ass:empty www.levaminhalma.blogs.sapo.pt

ricardo disse...

a determinação é meia vitória! (onde é que eu fui buscar isto!?) por isso tu estás na linha da frente... das minhas leituras na blogosfera! porque, se tu juras, eu por mim prometo: voltarei sempre! big beijo

o5elemento disse...

{ ...

da janela [p1]
sinto as lágrimas nos beirados;
sinto o aroma da húmida noite;
sinto o tempo em silêncio;
sinto o cheiro da saudade
só não te sinto a ti…
as lágrimas correm-me na face.
© biquinha

beijos*

... }

R disse...

Belo este poema como só tu os sabes escrever.
Ainda bem que compreendes o que eu escrevo :)
beijinho da LIZ

Anónimo disse...

Obrigado pela visita e pelo comentário, o teu blog tb está montes de fixe, gostei particularmente deste poema, está muito lindo. Fica bem!

*.*Sininho*.* ''Personal blog'' disse...

Parabéns!!! amei seu flog....
*.*sininho*.*

Maria Clarinda disse...

Mais um vez aui estou, não ei teu nome, não sei quem és...tens fotos de amigos que conheço...volto a dizer-te que ando por aqui.É so chamares-me.

Anónimo disse...

ola descupa a invasao mas podias me dar o nome dessa musica que toca no teu blog eu acho ela linda e nao tem ca o nome, se nao for mt encomodo claro, meu emal e leoa1977@hotmail.com beijos e mt obrigado, e ja agora adoro o teu blog;)