terça-feira, dezembro 12, 2006

Instantes sem idade....

rega

(foto de BlueShell)

Rega o Tempo, amor meu....
Rega o Tempo com essas lágrimas
Que não devias ter de verter...
Culpa minha por não ver
Que perdia o meu céu...
E o teu querer-me!

Rega o Tempo e eu
Fecundá-lo-ei com minha dor...
E nascerão instantes sem idade...
Momentos de amor (tantos)...
Que valem uma eternidade

37 comentários:

Daniel Aladiah disse...

Querida Blue Shell
Possamos todos ser jardineiros para plantarmos ou semearmos todo o amor (inesgotável) que trazemos dentro de nós.
Um beijo
Daniel

TONY, Duque do Mucifal disse...

gosto de ler os teus versos...tal a poesia que brota dos teus sentimentos.
gostava contudo que escrevesses sobre um tema alegre, onde as flores nascessem, as arvores crescessem e o mar navegasse em águas calmas!

Charlotte disse...

Vamos esperar que nesse jardim semeado e fecundado nasça então muito Amor!
:) beijinhos Blue
Charlotte***

Femané disse...

É lindo o seu poema.
Um grande beijinho.

gato_escaldado disse...

Um Beijo. Gostei muito do poema!

Secreta disse...

Há momentos eternos , sem dúvida!
Beijito.

Bruxinhachellot disse...

O Tempo deve ser regado com carinho para que possa dar frutos saudáveis.

Beijos de chocolate.

marta disse...

Querida Blueshell
A dôr fez-me crescer e amadurecer, mas nunca me deixou fecundar amor.
Sorte a tua se o consegues.
Beijinhos

Wings disse...

Muito belo este teu tempo regado pelas vertidas lágrimas.

Beijos

Maria P. disse...

São um encanto as palavras por aqui!

Beijinho:)

Plum disse...

Regar o tempo e alimentar o amor, não necessáriamente com lágrimas e tristeza!!!

Belas palavras!!!abraços!*

collybry disse...

Lagrimas ã de emoção que regam o sentir...Bjoca

Amaral disse...

"Instantes sem idade" - quanta verdade aqui encerrada...
Todos os instantes são eternos e todos encerram tantos bocados de amor...
Tudo é tão simples e glorioso!...

Fred Neumann disse...

ô, que beleza, B Shell.
Instantes sem idade irradiam felicidade!
Muito bom!
Lindo, indo e vindo!

Beijocas,

Fred

Tino disse...

:) não sei o que comentar... mas pelo menos um beijinho aqui fica para ti *** :)

Mel disse...

Belíssimo poema, Blue Shell. Acredites ou não as lágrimas vieram acompanhar a leitura.
Esta flor, Blue ... tenho destas também, querida ...
Podemos trocar? ....
Estou a brincar um bocadinho ...

A música ... queres matar-me?

Bjs Blue, até ...

Mel

Anónimo disse...

Bom dia,
podes enviar-me um email? tenho novidades bjs sofialisboa

amadis / pintoribeiro disse...

Bom dia e um abraço,

delfim peixoto disse...

É assim, a Poesia...
jnhs

mind disse...

bonito e a imagem tb eh linda!
=)
bjs docs!

Lumen Origine disse...

Simplesmente porque todos nós necessitamos de um abraço de quando em vez, deixo um abraço do fundo da minha alma para ti.

Se quiseres no blog http://lumenorigine.blogspot.com/ podes visualizar os vídeos Os Abraços são Grátis.

Lumen Origine disse...

Simplesmente porque todos nós necessitamos de um abraço de quando em vez, deixo um abraço do fundo da minha alma para ti.

Se quiseres no blog http://lumenorigine.blogspot.com/ podes visualizar os vídeos Os Abraços são Grátis.

Anónimo disse...

Gostei de passar pelo teu espaço...

Só consigo deixar mensagem como anónimo.

Simplesmente porque todos nós necessitamos de um abraço de quando em vez, deixo um abraço do fundo da minha alma para ti.

Se quiseres no blog http://lumenorigine.blogspot.com/ podes visualizar os vídeos Os Abraços são Grátis.

**Chronicles/Arclight** disse...

k lindos poemas nos ofereces amiga!

um lindo ambiente cheio d sublimes fotos!

adoro a tua naturalidade

bjs d cá**********************

anrasaxa disse...

bonito

Josefa Pacheca Pereira disse...

Lindíssima. Parabéns.

Até quando vai durar impunemente esta porca vergonha e se irá meter a Igreja católica na sacristia?

Plum disse...

Bom fim de semana!!!*

MiguelGomes disse...

Valem muito mais que uma eternidade...

Bom fim-de-semana!

Fica bem,
Miguel

amadis / pintoribeiro disse...

Bom fim de semana, abraço.

A Rapariga disse...

Lindo! Lindísimo!
Bom fim de semana

Nilson Barcelli disse...

É o tempo de curar as feridas, de fazer com que renasçam flores nos jardins agora plantados de dores...
Queres divertir-te um pouco para sorrires? vai ao teatro... Tenho um poema que te vai diminuir essa dor. Mas não digas nada a ninguém, pois eu "Atiro no primeiro que falar...".
Bom fim-de-semana.
Beijos.

Anónimo disse...

Olá Blue,
Obrigada por me teres respondido!Deixei de novo sair o meu amor reprimido e sem esperança...Agora convivo mais com ele.Umas vezes quase me mata (de tanto esperar...) outas fala comigo.Não sei para onde me leva esta história feita de longitude e impossível.Mas deixo correr. Beijinho
Laura
lauravelasques@yahoo.com

Maresi@ disse...

Lindo este poema...sentido e melancolico, no entanto...~

Beih«jo suave___maresi@

Guilherme F. disse...

regresso para degustar as palavras, as tuas.
Agradeço as que deixaste.
Bjs
Gui

CMatos disse...

Passo por aqui, leio, medito,... e sem palavras que exprimam o que sinto... vou embora.
Hoje, dia particularmente frio, (Brrrrrr) deixo-lhe um pequeno beijinho e o desejo de um bom fim de semana.

Um Poema disse...

Belos estes "Instantes sem Idade"
Um abraço

Jo§e disse...

Instantes sem idade, mas que valem uma eternidade.

Um beijo