segunda-feira, dezembro 05, 2011

Horizontes

qua

(Foto de BlueShell)

No horizonte sombrio da demência
Sinto o temor,
O não saber,
O não ter,
e
O arder das mãos cansadas da tua ausência.

108 comentários:

Paula disse...

Muita força e uma ótima semana!
:)

Tunin disse...

A ausência às vezes machuca, mas vem o consolo do voltar.Maravilha! Abração.

Maria disse...

Sei do que falas...
Abraço-te.

retrato... disse...

não sintas o arder e o cansaço das tuas mãos como a voz da ausência mas, isso sim, muito pelo contrário, o conforto que darás a outras que estão a chegar.

bj...nho

Catherine disse...

What a great photo ~ and strength in your words!
Have a happy Monday!
xo Catherine

O Árabe disse...

Lamento a tristeza que transparece, mas é fantástica a integração texto/imagem. :) Boa semana, amiga; fica bem!

Rogério Pereira disse...

Descongele-se o tempo
despetrifique-se o momento
Só assim
voltará para si

Fê-blue bird disse...

Quando o horizonte é assim tão sombrio, resta a esperança de um reencontro.
A foto é magnífica, parabéns!

beijinhos

**♥✿-franciete filipe-✿♥** disse...

Amiga passei no blogue do meu amigo e seu também António e não pode deixar de ler o seu comentário, e, vi que é de Mangualde que fica perto da terra do meu marido e, como tal a levantar-se a essa hora para se preparar para mais um dia de trabalho. Fiquei feliz porque ainda tem trabalho e triste por ter de se levantar tão cedo, gostei muito da sua escrita e se me permitir voltarei mais vezes para a comentar e ler.
Tenha um feliz dia com muita saúde, paz e muito amor em seu coração, beijinhos de luz e paz...

TexWisGirl disse...

a lovely image for such sad words.

Lucia Luz disse...

Força.
Meu abraço e minhas orações.
Beijo

Lucia

mfc disse...

... mas há sempre um momento bonito de esperança que nos faz sorrir!

Toma muitos beijinhos.

Flor de Jasmim disse...

Como eu te entendo Blue!!!
Muita força amiga, sei que és capaz.
Beijinho

Soraia disse...

Por muito mal que as coisas estejam temos de manter sempre um pensamento positivo :)

*Isis* disse...

Bem denso, mas muito bonito.
Amiga, venho do blog da Fernanda e vim conhecer aqui.

Olinda Melo disse...

Querida Blue Shell

Dizes tanto em poucas palavras e com tão grande significado!O tempo às vezes está a nosso favor, em breves momentos, urge que o aproveitemos...

Bjs

Olinda

Mário Margaride disse...

Como em tão poucas palavras, dizes muito...

Belíssimo!

Beijinhos e uma excelente semana!

Mário

acácia rubra disse...

O horizonte e a ausência deixam-nos a alma vazia.

Coragem. Estou contigo!

Beijo

Fábio Martins disse...

Muita força! Apesar dos dias cinzentos, a vida tem cores belas :)
Beijo

Luna Sanchez disse...

Porque o vazio sabe ser enlouquecedor.

Já quase me fez de vítima uma vez.

=\

Beijos, querida.

Belos, o texto e a imagem, gostei muito.

Guma Kimbanda disse...

Olá amiga

Lendo, sentindo, não sabendo mais do avaliar esse vazio imenso, a incerteza.
Não te ausentes de ti.

Kandandos...

Braulio Pereira disse...

a ausencia apaga pequenas paixôes e engrandece as grandes.

beijos!!

ॐ Shirley ॐ disse...

Breve...Profundo...Lindo... Um beijo no coração, Blue Shell!

Mar Arável disse...

... é preciso remar contra as marés

resistir
enfunar velas

manuel marques disse...

No horizonte
há um ponto de encontro
do nosso olhar
no tempo 
na distância
para além do mar...
Estás aí
longe
mas perto de mim
olhas a lua que flutua
me ilumina para ti...
Sorris
um sorriso de encantar
há luz nos teus olhos
que iluminam
fascinam
me fazem sonhar...

Beijo.

Jorge disse...

Plúmbea imagem a condizer com o ardor do texto!

Nilson Barcelli disse...

Poema pequenino, mas enorme no sentido.
Querida amiga, tem uma boa semana.
Beijo.

Ana Tapadas disse...

O tempo, como mestre ...
Excelente poema, pela densidade de sentidos.


Beijinho

lino disse...

Outra vez em baixo? Ânimo arriba!
Beijinhos

oteador disse...

la palabra demencia siempre asusta, a mi por lo menos; mente fuerte para contrarrestar las emociones negativas.saludos (te prometo que algun dia lo intentare en portugues, utilizando ese recurso que nos muestras en la anterior entrada)

Marta disse...

O não saber não nos mata mas aflige, aflige muito.

Lilá(s) disse...

O teu poema deixa transparecer tristeza! penso que sei porquê, por isso força e um abraço muito mas mesmo muito apertado.
Beijinhos

Manuel disse...

Não sei bem o que mais me encantou, se o lindo poema ou se a magnifica foto.
Para as duas os meus parabéns.

Mona Lisa disse...

Olá

Emocionei-me com o teu poema.

Vá blue...sorri!

Bjs.

Parole disse...

A ausência é mesmo triste...

Bjs

Rick disse...

Yes - dementia is like a life tossed about on the stormy seas (I witnessed its effects first hand on my wife's mother for many years - very sad !).

Life Ramblings disse...

lovely photo with great accompanying words.

Lilazdavioleta disse...

BlueShell ,

um forte abraço .

Maria

Rafeiro Perfumado disse...

O que andam essas mãos a fazer para arderem?!?

eileeninmd disse...

Lovely photo, this post reminds me of my father. Very sad times.

Silenciosamente ouvindo... disse...

Falar de ausências dói sempre muito.
Há ausências temporárias e
definitivas, essas sim, as que
mais doem.
Beijinho
Irene

Guma Kimbanda disse...

Bom dia, Dia.
Bom dia, Conchinha.

Aqui estou de novo. Afinal estamos tão perto que num pulo cá cheguei.

Será que a concha é esse céu de azul maravilhoso?
Cheguei e deparo com uma fotografia de entrada que gostei muito. Deverá como é hábito ser de tua autoria.

Bem... eu vinha mesmo era para desejar um bom dia e agradecer a tua companhia enquanto andámos de balouço e fizemos o percurso do antes, do agora e do que a imaginação permitir.

Beijinhos e kandandos de carinho

Sandra disse...

my dad died from Parkinsons and Dementia, it is a horrible disease. thanks for all your compliments on the nook today

Pedro Ojeda Escudero disse...

Hay ausencias que nos llevan a la desesperación: el horizonte, se aleja.
Besos.

Pitanga Doce disse...

Adorei a nova casa, a música, tudo. Só te acho triste.

Conhecerei a imagem do layout? Penso que sim.
beijos pitangueiros

manuela barroso disse...

Eis a magia da poesia: Mesmo parecendo triste, sempre tem um sol no horizonte!
E gostei imenso do novo visual!
Terno abraço Isabel
Sempre!

lita duarte disse...

Há sempre uma linha que separa...

Boa semana para você.

Bjos.

São disse...

Força, Isabelinha, força!

Um solidário abraço

Aleatoriamente disse...

Olá minha linda.
Tão profundo teu sentir.
Bom te ler
Um beijo querida.

Leonice disse...

Lindo poema querida amiga, escrito com a alma!!
Que a paz e a luz estejam sempre presente em sua vida!
Um grande abraço!

Liz - Como as Cerejas da Minha Janela... disse...

Será e é apenas um breve momento de perder-se...força-te a voltar...
Levanta a cabeça, e enfrenta tudo com fé, esperança e otimismo, Isabel! tudo há de melhorar! voce vai ver!!! tudo vai dar certo, minha querida!!

O momento mais escuro da noite apenas anuncia a chegada do belo alvorecer...

Te abraço, minha querida, com toda força! meu carinho, meu amor, minha amizade!!! as bençãos do Universo para te darem força e ânimo neste momento...levante-se! fé, Isabel! tudo há de melhorar!

Beijos com carinho...se precisar, pode chamar...

rosa-branca disse...

Olá amiga em tão poucas palavras se diz tanto...força minha querida. Beijos com carinho

Fernanda disse...

Querida amiga!

Não desistas.
Força e muita coragem.

Sei que sabes, mas permite-me lembrar-te...

" Life is mainly froth and bubble,
Two things stand like stone;
Sorry in another's problems
Courage in your own "

Abraço forte e beijinhos

Al disse...

Excellent shot, I love the light in it.

Desnuda disse...

Querida amiga,

Poucos versos com uma profundidade incrível porque há o que se pensar e muito sobre.


Beijos com carinho amiga.

Olhos de mel disse...

Querida amiga; o não saber, o não ter é triste. Deus lhe permita superar tudo rapidamente. E que a Luz Divina ilumine seus passos!
Conte sempre conosco.
Beijos

Isamar disse...

Minha querida " Conchinha Azul" tem esperança e fé que o futuro será risonho. Deus ajudar-te-á/ ajudar-vos-á a ultrapassar esta provação.

Bem-hajas, minha amiga!

Beijinhosssss

Je Vois La Vie en Vert disse...

Um belo poema com um sentido forte apesar de curto.
Muitos beijinhos, minha amiga !

Verdinha

P.S. Gostei do novo visual

BlueShell disse...

Grata pelas vossas palavras: não esquecerei.
Bj

magda disse...

Welcome to my blog and many thanks for your visit and so kind comment!
Wonderful photo and words!
Many greetings

Braulio Pereira disse...

you have for me positivi energye

thanks tendress


kiss ......kiss ... forever

Zilani Célia disse...

OI BLUESHEL!

PORQUE AS VEZES UM POETA,ESCREVE ALGO QUE AO LERMOS SENTIMOS QUE NÃO FOI SÓ INSPIRAÇÃO, MAS, QUE SAIU DO FUNDO DA ALMA?
EIS MINHA IMPRESSÃO, LINDO.
ABRÇS
http://zilanicelia.blogspot.com/

OutrosEncantos disse...

Blue, vem cá....
aqui..., no meu abraço.
beijo meu.

© Piedade Araújo Sol disse...

curto e reflexivo.

a foto está muito boa e não sei como foi o clik

gostei do novo visual

está mais arejado

um beij

Lowell disse...

Dementia is a curse as I've discovered from personal experience with members of my family.

But we continue to sail the sea of life and hope that we do not sink in that bottomless ocean of not knowing, of fear, of absence!

Andrew disse...

A lovely post.. your image is wonderful to see and your words are so thought provoking...

Minha fábrica de sonhos... disse...

Oi,
te achei nos blogs por aí, e estou te seguindo. Posso?

Queres passar no meu cantinho e me seguir?

Bjkas. Nara.

Vitor Chuva disse...

Olá, Blueshell!

Para lá da linha do horizonte existe aquilo que não conseguimos enxergar;que lá possa morar aquilo que desejas ver!

Um abraço amigo, e muita força.

Vitor

Carla Fernanda disse...

E a presença é mais sutil neste nível de percepção...nunca será solidão querida porque no epírito haveremos de ser cada vez mais fortes!! E SEREMOS todos um dia!
Lindo!!
Beijos

Duarte disse...

Como dói e entristece o silencio da ausencia...
Desgarra, custa, mas supera-se.
Abraços de vida

Sérgio Pontes disse...

gostei, um beijinho

ONG ALERTA disse...

Maravilhoso...beijo Lisette.

SONINHA disse...

Emocionas com o texto e com a linda imagem escolhida!
Beijos meus!

Canto da Boca disse...

Que as memórias lhe confortem, e apertem as mãos até sentirtes o calor de sempre!

O novo layout do blogue ficou muito bonito!

Deixo um beijo e um abraço cheio de carinhos, além do desejo de que fiques bem!

tulipa disse...

olá
por aquilo que tive o prazer de ver, mais uma apaixonada pela fotografia.
Gosto imenso das suas fotos.

Gostei da poesia:
pequena
mas intensa
onde em poucas palavras
se diz tudo.

Não sou poeta
mas direi...

e para lá deste outono
quase inverno
sobrevoa o desejo
de alguns momentos
de felicidade
na minha vida
nesta época
insensível e falsa
que se aproxima
a que alguns
chamam de Natal.

desejo-lhe um bom feriado
deixo-lhe um abraço,
neste dia gelado e nublado
8 de Dezembro
em que a alma gela
efeitos
da temperatura exterior e interior

Magia da Inês disse...

º°♥❤ Olá, amiga!
❤ Passei para deixar um abraço.
º°❤ Beijinhos.
♥❤ Brasil

Compartilhando Sentidos disse...

Olá! Valeu a visitinha. Passei aqui prá conhecer teu espaço e já estou seguindo.

Bjo e bom restinho de semana!

George disse...

The photo of the bas-relief is a wonderful image to accompany your words.

Art disse...

Your work is breathtaking. I love what you create here!

Fotokarusellen disse...

A beautiful poem, my friend.

Andradarte disse...

Que belo post....'Sinto o não ter e não saber'......
Beijo

Álvaro Lins disse...

É na ausência que se sente a presença:)!
Gostei; vou voltar.
Bjo

nacasadorau disse...

Um belo dia pra ti minha boa amiga...abraços fraternos e beijinhos.

✿ chica disse...

Palavras fortes, pra ler e reler.LINDAS, marcantes!!!beijos,chica

Janita disse...

Blue...
antes que a ausência nos leve à demência...
agarremo-nos à esperança
que sempre haverá
um amanhã.
Beijinhos e obrigada, querida.

Janita

heretico disse...

dói uma ausência assim...
arder de mãos na ausência do fogo.

belíssimo

beijos

Palavras disse...

Belíssimo!

Intenso
Triste
Verdadeiro

Coisas da vida...

Bjs amiga querida

Cicero Edinaldo disse...

olá! obg pelo carinho com o meu conto em blogestarcomvoce.blogspot.com
A ausência sempre machuca e dilacera o coração! A partida é dolorosa e angustiante! o retorno é sublime!
vou te seguir!
---
ps: se vc gostar de poesias acesse: Se http://jewpoesias.blogspot.com/
Esse é o blog de um grande amigo meu que também escreve poesia!

Leninha disse...

A saudade é dor pungente,morena
A saudade mata a gente,morena.

Um trecho de uma melodia da minha infância,amiga.

Bjssss e muito carinho,
Leninha

Pedrasnuas disse...

A ausência é tramada...também eu ando distante...mas deve-se a razões profissionais...obrigações inadiáveis ...Gostei da foto e do poema...

Beijinho

Labirinto de Emoções disse...

Meia duzia de palavras para dizeres tudo...
Um beijo imensa ternura, porque tambem eu sei o que são "ausências" e quanto doem...
Obrigada pela tua visita e pelas tuas palavras!
Teresa

Célia disse...

Doem... Ardem.. Tememos, mas tudo simboliza Vida e sua ausência... nós no mais profundo do nosso ser!
Abraço, Célia.

will-Art disse...

Thank you very much.

And for you the same<;

Kisses!

Pastor Dennis disse...

A beautiful little church and little ship: yes I fear the horizon of parting and I hope for the horizon of finding again.

Mariangela disse...

Blue,
Deus fez do sofrimento a matéria prima da redenção!
Confia ``Nele´´e tudo ficará bem.
Beijo e muito obrigada pela visita!
Mariangela

José disse...

Olá blue!

Sempre ouvi dizer que na vida tudo passa, e os maus momentos também.

Um abraço,
José.

Aleatoriamente disse...

Que lindo minha linda.
Você afaga o poema merecidamente.
Nele há muita sensibilidade.

Beijinho

joaquimdocarmo disse...

Isabel
A dor da ausência mas, no horizonte, por certo, uma réstea de esperança!...
Lindo dizer tanto com tão "pouco"!
Beijinho
Quicas

Carla Fernanda disse...

Beijos querida!
Boa noite forte e doce!
:D

MARILENE disse...

Foi muito feliz em sua maneira de descrever a saudade. Vazios deixados pela ausência não são facilmente preenchidos.
Sua foto é bela.

Bjs.

Randy disse...

What a wonderful post! Thank you for your visit and kind words.

Marize Camara disse...

Simplesmente lindo!

Marize Camara
http://www.brasilviagemfantastica.blogspot.com/

Ginny disse...

The poem is deep and sad, the artwork beautiful.

Kilauea Poetry disse...

Wow, this was so moving..the image is perfect, but it made me sad.
Thanks for your sweet visit!! I so appreciate your warmth!!
Hugs from the Pacific~

Elisa T. Campos disse...

Nem sei o que dizer. Belo não basta.
É maravilhoso.

bjs

Cristina disse...

Um poema muito simples, com tão pouca palavra, mas com um imenso conteúdo.
E nele me revejo, completamente...
Bj

Jorge Pimenta disse...

a estética da ausência é o grande espinho de inspiração faiscante.
beijinho!

carol disse...

Muito bonito!