sexta-feira, agosto 27, 2004

Cantava....

...mas o seu canto eram soluços acompanhados de notas perdidas duma música que sabia a lágrimas! E sorria...era um sorriso ternurento daqueles sorrisos de embalam sonhos e crianças! Mas o seu sorrir era dorido também...como se soubesse que no próximo amanhecer ela não estaria ali para receber o dia...
E não estava mesmo! Porque nessa noite, depois das estrelas surgirem e, indiferentes, tomarem o seu rumo...ela expirou!
Quem a olhasse, no leito bem composto, diria que adormecera ao som dessa música que só ela sabia porque, há muito, só ela ouvia...ou sabia ouvir!

1 comentário:

ognid disse...

Profundamente triste. Porquê tanta tristeza?