segunda-feira, março 07, 2005

SIMPLESMENTE...

Por haver mundo lá fora
Onde tanta gente também
Chora...
simplesmente

(foto de Sérgio Rodrigo)



Deixai-me...a sós no meu canto para
Crer... na ilusão de
Que... a felicidade é o meu chão,
O meu... céu a humildade...
Esconderijo... da inocência
É... onde a Verdade mora!
Palácio,... só a meus olhos,
Encantado...simplesmente...

Por haver mundo lá fora
Onde tanta gente chora!

27 comentários:

titas disse...

pronto, pequenina, vá... encosta aqui a tua cabecinha no meu ombro... eu faço festinha, dou miminho.... pronto.... já passou.
Eu conto uma história... tu quer?
Era uma vez uma menina, muito, muito linda, que ia à frente com 59,9% dos votos. E, como ela era linda e boazinha, toda a gente ia votar nela TODOS OS DIAS, UM DIA, UM VOTO. E depois a menina ganhou e foram todos muito felizes.

pronto, já passou... que lindo sorriso!

//(º_º)\\ um beijo da titas

wind disse...

Bonito poema de uma "concha".) bjs

Pintelho disse...

Já fui votar novamente... E força,mulher, avante, avante!!

sotavento disse...

Ó BlueShelita, este post é só para aumentar as tuas possibilidades de ganhar, confessa!... ;)
(Se não for, sabes, faz bem chorar com os outros, diminui a nossa dor...)

francis disse...

Também há muita coisa bonita para ver. Vamos concentrar-nos nos aspectos positivos :-)

Anónimo disse...

Mas que grata surpresa encontrar tão belíssimos poemas e imagens! Quanta sensibilidade e emoção até mesmo nas entrelinhas... Certamente voltarei muitas vezes. Um beijo e grata pela simpática visita.
~~Nuvem~~
http://www.nuvensquepassam.blogger.com.br

Crispim Ferreira disse...

Concha Azul, já fiz a minha parte e votei em ti!!!

;)

amita disse...

Olá. Já votei novamente. Vou tentar votar também com omeu outro blog do sapo. Bjinhos depois volto (tens mais de 57%) vais à frente.

antonio disse...

Pronto minh querida amiga conchinha
azul, já está. Levas um avanço soberbo.

Um abração do
Zecatelhado

AS disse...

A moda pegou!... Maioria absoluta!
B.S = 60%
Onde é a festa?..

Um beijo...

Anónimo disse...

...è uma concha linda!..Beijo grande.
Ana

peciscas disse...

Simplesmente...excelente!

Mitsou disse...

Parabéns, conchinha. Beijocas :))

Malae disse...

Querida BS. Desculpa andar meio desaparecida, mas o tempo foge e não tenho conseguido visitar os cantinhos dos meus amigos. e ontem não consegui postar aqui:( mas valeu a pena voltar e deparar-me com este poema... que poderei eu dizer?! é complicado comentar quando apenas nos ocorre dizer... assino por baixo! lindo, mais uma vez... o teu talento é enorme!por vezes é bom chorar... e eu estarei aqui para ouvir o seu som e poder compartilha-las contigo. Um beijinho enorme. Malae*******

Amaral disse...

Por haver mundo lá fora, tu podes realizar-te. A realidade, seja esta ou aquela que preferimos, dá-nos a dimensão sempre renovada que ousamos criar.
A ilusão é tão real que, por vezes, muito facilmente nos colocamos de fora...

BlueShell disse...

Agradeço a todos vós as vossas palavras de carinho. Mil beijos alados...BLUESHELL

BlueShell disse...

Agradeço a todos vós as vossas palavras de carinho. Mil beijos alados...BLUESHELL

BlueShell disse...

Agradeço a todos vós as vossas palavras de carinho. Mil beijos alados...BLUESHELL

BlueShell disse...

Agradeço a todos vós as vossas palavras de carinho. Mil beijos alados...BLUESHELL

BlueShell disse...

Agradeço a todos vós as vossas palavras de carinho. Mil beijos alados...BLUESHELL

Amaral disse...

Não vai no post de cima, vai neste!
Parabéns, Blue! Não sei quantos são, nem isso interessa!
Toda a alegria do universo, que passa por ti, se manifeste no dia-a-dia!

litle lucy disse...

um beijo

vou silenciar as minhas palavras por uns dias

rose***

SaltaPocinhas disse...

Eu venho dar-te os parabéns. PARABÉNS! Não consigo comentar lá no post dos teus anos!! E agora vais explicar-me como fizeste a campanha para tanta gente votar em ti... Eu até já ameacei os meus filhos que os deserdava e nem asim eles votam!! Sinto-me um autentico PP! Snif!!

Daniel Aladiah disse...

Querida Blue Shell
Parabéns! Não se pode comentar no sítio do anúncio.
Um beijo
Daniel

titas disse...

PARABÉNS. PARABÉNS. PARABÉNS!
Vai buscar as flores que te dei.

Só uma mulher como tu faria anos num dia como hoje!

//(º_º)\\ beijos mil da titas

Menina_marota disse...

Bom dia, BlueShell... não se consegue abrir os comentário no outro Post, mas quero deixar-te aqui os Meus Parabéns...e um Poema de um Poeta que eu muito admiro (tinha que ser dele...)

"No tempo em que festejavam o dia dos meus anos,
Eu era feliz e ninguém estava morto.
Na casa antiga, até eu fazer anos era uma tradição de há séculos,
E a alegria de todos, e a minha, estava certa com uma religião qualquer.
No tempo em que festejavam o dia dos meus anos,
Eu tinha a grande saúde de não perceber coisa nenhuma,
De ser inteligente para entre a família,
E de não ter as esperanças que os outros tinham por mim.
Quando vim a ter esperanças, já não sabia ter esperanças.
Quando vim a olhar para a vida, perdera o sentido da vida.

Sim, o que fui de suposto a mim-mesmo,
O que fui de coração e parentesco.
O que fui de serões de meia-província,
O que fui de amarem-me e eu ser menino,
O que fui - ai, meu Deus !, o que só hoje sei que fui...
A que distância ! ...
(Nem o acho ...)
O tempo em que festejavam o dia dos meus anos !

O que eu sou hoje é como a umidade no corredor do fim da casa,
Pondo grelado nas paredes...
O que eu sou hoje (e a casa dos que me amaram treme através das minhas lagrimas),
O que sou hoje é terem vendido a casa,
É terem morrido todos,
É estar eu sobrevivente a mim mesmo como um fósforo frio....

No tempo em que festejavam o dia dos meus anos...
Que meu amor, como uma pessoa, este tempo !
Desejo físico da alma de se encontrar ali outra vez,
Por uma viagem metafísica e carnal,
Com uma dualidade de eu para mim...
Comer o passado como pão de fome, sem tempo de manteiga nos dentes!

Vejo tudo outra vez com uma nitidez que me cega para o que há aqui ...
A mesa posta com mais lugares, com melhores desenhos na loiça, com mais copos,
O aparador com muitas coisas - doces, frutas, o resto na sombra debaixo do alçado - ,
As tias velhas, os primos diferentes, e tudo era por minha causa,
No tempo em que festejavam o dia dos meus anos...

Pára, meu coração !
Não penses ! Deixa o pensar na cabeça !
Ó meu Deus, meu Deus, meu Deus !
Hoje já não faço anos.
Duro.
Somam-se-me dias.
Serei velho quando o for.
Mais nada.
Raiva de não ter trazido o passado roubado na algibeira !...
O tempo em que festejavam o dia dos meus anos ! ..."
(Poesias de Álvaro de Campos, ed. cit., pp.282-284.)

Com um beijo de desejos que passes um FEILZ DIA de Aniversário...

(tenho que confessar-te uma "traiçãozinha" que cometi hoje: votei na Saltapocinhas...é o que faz ser uma menina_marota cheia de amores... depois não sabe que escolha tem que fazer...porque vos adoro a todos...)

Jinhos e um sorriso do tamanho do Sol, neste dia que também se comemora o dia Internacional da Mulher.

paper life disse...

Bom dia Conchinha.

Tambémhá Sol, lá fora!

:)