quinta-feira, março 03, 2005

Tu, meu amor, meu marido...

.
Sublime, essa presença comigo...
Leve suspirar, e o teu olhar
Querido...o teu estar sempre
P’ra mim quando preciso.

És meu, que eu sei!

Isso me é, me faz ser
Mais de mim, e digo – “ Vem!”
Só tu, meu amor,
Só em ti estarei...
E serei alguém!

38 comentários:

Menina_marota disse...

Inspiração sublime...

a esta hora?

Mas está lindo... terno, possessivo...

Gostei.

Jinhos ;-)

litle lucy disse...

como é bom ter alguem do nosso lado que nos ama e que nos de verdadeiro valor
um beijo Rose**

p.s.Ficarei

isa xana disse...

terno, bonito, apaixonado... gosto:)

jinhuuu

SaltaPocinhas disse...

Também costumo fazer declarações ao meu marido, mas a maioria não é publicável... ;)

Ana disse...

Um lindo poema cheio de ternura. Parabéns!
Um beijinho.

Cris disse...

Gostei deste momento de ternura!

Um beijinho grande!

BlueShell disse...

Quando se ama realmente QUALQUER HORA É UMA BOA HORA PARA O DIZER...

BLUESHELL

whiteball disse...

BOA! Assim gosto!
WB e Mocho

Anónimo disse...

Bonito. Gostei!
E mais não digo.

Beijinho,

Sandra
(http://www.void.weblog.com.pt)

O Micróbio disse...

É bom sentirmos que temos alguma coisa "nossa"...

meialua disse...

Oi vim deixar um beijinho e desejar bom fim de semana*

paper life disse...

O conforto doamor seguro.

Que bom!
Ainda lembro...

:)

Beijinho.

Peter disse...

Isso chama-se confiança
Bom fds*

AS disse...

BShell, Para quem ama, não existe tempo, nem espaço, nem fronteiras...

Um beijo e bom fim de senana

Mitsou disse...

Que bom, e que bem nos faz, amar assim! Felicidades, minha querida.
Beijinho e um óptimo fds :)

TMara disse...

K bonito sentir, de amar e ser amada. Bom f.s. Bjs e ;)

sotavento disse...

Bem... isso é algo a dois!... ;)

Paula disse...

o que haverá de melhor, do que amor partilhado lado a lado?!
Lindo!
beijinho Blue

Um fds cheio e amor...

wind disse...

Uma relação a dois assim é linda.) beijos

CPC disse...

É sempre uma boa maneira de começar o fim de semana ;)

Amaral disse...

Obrigado pela tua visita e cá estou eu a retribuir. Vou adicionar-te aos meus favoritos para te ler mais amiúde, porque o pouco que li deixou-me curioso.
O teu poema não é só bonito, tem uma centelhazinha especial a enfeitá-lo.
Parabéns!

Carla disse...

A partilha recíproca é maravilhosa :))) Beijo grande :)

Vera Cymbron disse...

Que bom saber-te esta paixão pelo teu marido. Eu um dia quero me apaixonar assim sempre e todos os dias...como agora.
Jinhos, ainda bem que gostaste do texto.

Anónimo disse...

Eu sei que tu sabes que ele sabe.
Os espelhos são objectos terríveis fazem-nos confrontar o outro eu.
Aquele que está sempre presente não se despede.

Lina (Mar Revolto) disse...

Estou de saída da blogosfera, mas não dos espaços onde repousei muitas vezes com prazer e onde pretendo repousar outras tantas.
Bom fim de semana
Beijo

Estrela do mar disse...

...conchinha...tenho andado com uma certa preguiça...mas já estava com saudade de aqui vir...e deparo-me com uma escrita...que me transmite algo de muito positivo...estarei certa?...espero bem que sim...

Tem um bom fim de semana amiga.
Um beijinho* grande.

Micas disse...

Palavras fortes e sentidas. Gostei imenso. Cada vez tenho mais dificuldades em te comentar...já me começo a repetir! Beijinho e bom fim de semana

Anónimo disse...

Porque continuo a não conseguir enviar correspondência para o teu e-mail, deixo aqui cópia daquele enviado hoje para amigos/acompanhantes do meu blog:

"Olá a todos :)

Estou a inundar-vos novamente com informação para deixar registado que os conteúdos do Abismo (http://www.void.weblog.com.pt) vão já, a partir de amanhã, sofrer uns reajustes. Reajustes, em particular, relativamente à agenda editorial que vos enviei e, em geral, no que respeita à sua própria orgânica.
Assim sendo:

1- o Abismo vai dedicar-se sobretudo (ou ainda mais) ao Teatro. A experiência que tenho tido desde Janeiro, quer em termos de construção e edição de posts, quer em termos de receptividade, permitiu-me concluir que é possível trabalhar com textos dramáticos, apresentar problemas/questões através de si e discutir/debater tendo-os como ponto de partida. Mais: que é possível fazer tudo isto bem. Por outro lado, e como sabem, a minha paixão pelo Teatro é imensa, pelo que tudo junto é mais do que razão para eu fazer uma aposta nesta área inclusive, ainda com maiores ganhos em termos de satisfação e prazer para mim própria. Mas relativamente à edição de textos dramáticos eu não quero só fazer bem, como julgo ter conseguido até aqui. Quero fazer melhor. Muito melhor. E é nisso que vou apostar. E vou fazê-lo não só pelo intensificar continuado das edições, mas também pelo aprofundar da apresentação dos autores/dramaturgos e daquela que é a razão de ser, a mensagem, os propósitos das próprias peças.
Ora, esta renovada aposta na edição de Teatro vai exigir-me mais leituras, mais pesquisa, mais estudo, mais tudo, pelo que o ritmo de publicação não será necessariamente diário, nomeadamente aquando da passagem de um autor/dramaturgo para outro. Seja como for, antes desta passagem se verificar, o nome seguinte será anunciado. Não a ou as peças que virão, mas somente o seu autor. Quanto a estes: quem será considerado? Pois bem, serão tidos em conta autores desdes os clássicos até aos contemporâneos, na linha do que já vinha sendo feito. Vou contudo, apostar, ou fazer sobressair mais, nomes de dramaturgos nacionais, onde se incluem os da nova geração. A título de exemplo, e a este nível, serão apresentadas peças de José Maria Vieira Mendes, Jacinto Lucas Pires e Pedro Eiras. Evidentemente que serão editadas outras peças de autores estrangeiros já apresentados.
Para concluir esta abordagem relativa ao Teatro, deixo-vos só com o registo dos autores até agora editados (no âmbito de "Uma semana no Teatro") e qual a sua proveniência:

- Janeiro (semana de 17 a 21)

. Ester Gerritsen (Holanda)
. Judith Herzberg (Holanda)
. Jon Fosse (Noruega)
. Anthony Neilson (Inglaterra)
. Harold Pinter (Inglaterra)

- Fevereiro

(semana de 07 a 12)

. Sarah Kane (Inglaterra)
. Sam Shepard (EUA)
. Jean-Luc Lagarce (França)
. Irmãos Presniakov (Rússia)
. Pier Paolo Passolini (Itália)
. Albert Camus (França)

(semana de 18 a 18)

. Denis Lachaud (França)
. Joe Orton (Inglaterra)
. William Shakespeare (Inglaterra)
. Séneca ["Clássico"]
. Racine (França)
. Sófocles ["Clássico"]
. Armando Nascimento Rosa (Portugal)


2- será dada continuação à edição dos textos da Paula do blog "Divine Decadence Darling!", conforme vos comuniquei por e-mail a semana passada. Este fim-de-semana, excepcionalmente, será editado também um texto no Sábado. Portanto, amanhã e Domingo: textos da Paula. A partir da próxima semana: textos aos domingos.

3- serão editados textos no âmbito da rúbrica "Espaço sub-20", conforme previsto na agenda editorial. Manter-se-á a edição de "2 textos em confronto", embora não integrados numa semana temática.

4- edição de excertos de textos em Prosa assim como Poesia (de publicações no mercado e de amigos da blogosfera).


O que efectivamente pretendo deixar vincado junto de vós são as seguintes linhas norteadoras de edição:

- Muito, muito, muito Teatro.

- Edições não integradas em semanas temáticas.

- Edições não necessariamente diárias.

- Continuação do esforço da qualidade com a perspectiva do seu reforço.

Esperando não vir a quebrar o vosso entusiasmo/acompanhamento ou expectativas, despeço-me com um grande beijinho.


Sandra"

Fallen Angel disse...

Eternamente..? Depende do tempo que a eternidade durar... depende de quando alguém aparecer para a tirar de lá... um dia... é a ideia deste teu bonito poema: "só em ti estarei... / E serei alguém!":)

Beijinhos e bom fim de semana*

lima disse...

BlueShell, menina, é bom ver este espírito optimista!! É muito bom! Força!! :)

almaro disse...

e com um poema se faz um abraço...
Um para os dois

angelis disse...

Agradeço e retribuo a visita feita ao meu cantinho :) Qualquer hora, qualquer momento é o tempo certo para dizermos "amo-te" e não tenhamos medo de o dizer...é tão bom:)))Beijinhos e bom fim de semana

Daniel Aladiah disse...

Querida Blue Shell
Desculpa, mas não entendi o que querias dizer no teu comentário entre parênteses. Quanto a este poema... bem, palavras para quê, a segurança é esmagadora...
Um beijo
Daniel

MONALISA disse...

Sentimento bonito este que descreves. Beijo

Andreza Maia disse...

Olá Blue, cheguei de mais uma viagem
profissional e vim retribuir o carinho. Se vc tem um homem assim,
um marido assim segura! Porque o meu
eu já segurei! Beijoca!

Laura Antunes disse...

Que sentimento sublime mensmo que seja por um instante. Melhor seria estender esse instante por uma vida. Adorei...Obrigada pela partilha. Abraço Laura

augustoM disse...

Shell, fiquei cheio de inveja.
Um beijo. Augusto

Anónimo disse...

Auqeles qe mais amamos sao sempre aqueles que recbem as mais sublimes declarações de amor..É o que se ve aqui :) Um beijo doce
MissLadyMystery -> Http://MundoDosSonhos.blogs.sapo.pt