quarta-feira, junho 22, 2005

Meu manto...

eus

(foto de BlueShell)

Talvez por te sentir tão longe, tão sempre ausente e te querer tanto, tanto...
Talvez por temer por ti, amor...
Talvez por te saber minha força, meu escudo, minha luz na noite de treva densa...
Talvez, meu amor, por não saber até quando...
Choro, sim...por te querer junto a mim, sempre. Mas o “sempre” não existe, nós sabemos!...E o que temos é nosso apenas no presente...

Então...não te apartes de mim! Vem...agora...
Talvez possamos fazer parar a Hora...vencer o Tempo, nem que seja pela ilusão de um breve momento.
Vem...porque te quero tanto, tanto...
Que estas lágrimas são tuas e a saudade de ti o meu manto!

52 comentários:

Charlotte disse...

Momentos difíceis de suportar, quando se sabe que o sempre não virá... ainda assim buscamos o que amamos...
Beijokas Blue*
Tua amiga Charlotte.

wind disse...

Como não existe o sempre, vive o melhor possível o presente e os bons momentos:) beijos

Daniel Aladiah disse...

Querida Blue Shell
Lindo texto, sentido... o sonho e a realidade à procura de se encontrarem.
Um beijo
Daniel

gato_escaldado disse...

o sempre é sempre demais. ainda bem. digo eu. sei lá...

gostei do poema. beijos

Menina_marota disse...

Um texto tão terno, como sentido...
Quando as saudades, são palavras de amor... e, esta música que eu adoro, embala este sentimento...

Um abraço terno e um sorriso para ti:-)

TMara disse...

Florbeliano q.b.
bjs e ;)

gato_escaldado disse...

o sempre é sempre demais. ainda bem. digo eu. sei lá...

gostei do poema. beijos

gato_escaldado disse...

o sempre é sempre demais. ainda bem. digo eu. sei lá...

gostei do poema. beijos

gato_escaldado disse...

o sempre é sempre demais. ainda bem. digo eu. sei lá...

gostei do poema. beijos

gato_escaldado disse...

o sempre é sempre demais. ainda bem. digo eu. sei lá...

gostei do poema. beijos

gato_escaldado disse...

sorry. uma vez chega.

meialua disse...

Bonitas palavras... e se o para sempre nao existe...

pelo menos q seja infinito enquanto dura...

Um beijo com carinho*

sylpha disse...

Querida Blue, um belíssimo texto sem dúvida. Eu creio que mais vale viver o momento no presente, porque quanto ao futuro, não sabemos o que nos reserva. Beijinhos :))

Squeezy disse...

úm texto mto bonito.. e faço as palavras da meialua as minhas...

Peter disse...

Duas rosas e um texto de amor.

Caiê disse...

felizmente, não há sempre...

Friedrich disse...

Já me esqueci se alguma vez recebi uma manifestação de amor como esta que acabei de ler... Mas certamente que não, porque as horas continuam a correr, se a tivesse recebido tinha feito parar os ponteiros do tempo! Adorei, simplesmente envolvente aos sentimentos que expressas. Nunca deixes de amar assim!

Beijos ternos

persephone disse...

Sempre. mas sempre tão bela.

Um beijo doce Rose*

peciscas disse...

Se não se pode parar o tempo, a única coisa a fazer é desfrutar o mais possível cada momento que se vive.

Miss-Devil disse...

oi!
como sempre lindo :)
em parte percebo o k keres dizer pk é um pouco pelo k tou a passar.
jinhos

Patrícia disse...

Que mais posso dizer? Hoje, em tantos outros dias, não tenho palavras...Um beijo enorme!

R disse...

O sonho é que nos faz viver a realidade.Todos nós vivemos de sonhos..........sabes do que falo:)
beijinhos e nunca deixes de amar e sonhar:)

rajodoas disse...

Com este imenso calor nada melhor que
a tua fonte de inspiração a invocar o amor. Beijinho do Raul

zeca disse...

Belissímo. Eu também estou sem palavras perante tanta beleza na tua escrita. Um beijo

Angela disse...

Que linda maneira de falar de saudades.

AS disse...

Querida B.Shell,

UM texto poético lindissimo, onde em cada palavra se sente a emoção, o desalento, e entrega... A vida por vezes parece tão injusta...

Mas nada se constrói sobre o passado!... Nunca esqueças!

Um beijo

Espectro #999 disse...

Blueshell... por onde tens andado ?
para além de não me visitares no meu território ?
Está tudo bem contigo ? gostei deste teu post. Muito pessoal, pelo menos é o que transparece.

Beijocas e inté.

Espectro #999 disse...

AAaaahhhhhhhh...!!! esqueci-me de dizer [...] estou de férias.

Beijocas e inté.

luisdifere2 disse...

Oi... fiquei um pouco intrigado. Tens alguma coisa a ver com a ChuvaNegra?...

Betty Branco Martins disse...

Lindo... lindo o teu "Manto"

Que e incerteza do amanhã
torne o presente mais "Caro"

Um beijo grande

Estrela do mar disse...

...sabes @miga...vive o dia-a-dia...mesmo com saudades...mas vive...vive intensamente...porque do futuro...nada se sabe...por isso...nunca deixes de viver...
Um beijinho* grande.

Adryka disse...

Olá amiga, depois de chamamento destes quem n/ viria...Espero que ele tenha lido a mensagem :)
Beijinhos

M Myers disse...

Obrigada pelo seu comentário lá no meu canto.
O seu blog é imenso e mágico.
Gostei muito de a ler.

Voltarei.

Um beijo
Myers

Vasco Salles disse...

Ola Blue, aprecio muito essa tua maneira bonita, doce, fiel e eterna de amares. Nao poderias ter escolhido melhor maneira de a exteriorizares do que atraves da tua bela poesia.

francis disse...

Lindo! 5 estrelas!

Luís Miguel disse...

...creio que já tudo foi dito...
Prefiro sentir em silêncio este teu "Manto" e interpretá-lo na minha pessoa.
.
Beijinho, Bs.
.

augustoM disse...

Shell,o "para sempre" não existe é só um hipótese desejada, o melhor é aproveitar o agora, todos os segundos como se fossem os últimos.
Um abeijo. Augusto

Malae disse...

Para sempre... era tão bom que existisse! Que soubessemos que de alguma maneira o que tanto amamos acaba por voltar, num ciclo que nunca acabaria!

E como dói que assim não seja... e temos que continuar a viver! E sei que tens a força para viver com a saudade... e fazer dessa saudade um motor que nos empurre! Para que ela faça um pouco mais de sentido!

Bom fim de semana, amiga! Um beijinho imenso e um abraço ainda maior.
MAlae**********************

António disse...

Diz-me:
quando é que fazes uma coisa horrorosa para eu mudar o meu discurso?
Não gosto de me repetir, mas tu obrigas-me a fazê-lo.
Lindo!
Jinhos

Sulista disse...

obrigada pela visita !
e ainda bem que fiz rir
a BlueShell...
:-)))
Sulista

O Micróbio disse...

A foto é tua? Bonita foto...

zuraças disse...

Blue Shell, comento este teu texto numa palavra:
LINDO!

Aluena disse...

Linda Blue Shell, teu poema,
fez-me chorar, muito profundo mesmo. Maravilhoso, mas o nosso alimento passa pelo SONHO. BJKS

Angel disse...

Bonito... sem duvida
"Mas o “sempre” não existe, nós sabemos!..."
Vamos alimentando o presente na espera de este se manter no futuro.
***************

(http://omeurefugio.blogspot.com)

AlmaAzul disse...

Infelizmente há coisas que não obedecem a nossa voz...
***azuis

lazuli disse...

O poema é lindo. Palavras já muito ditas..mas que repito com muito prazer.
Um beijo**

Aran disse...

Está muito bonito!!! Beijinhos

Natércia disse...

Estou furiosa. Desculpa, voltarei mais tarde para comentar…

Gabriel disse...

Ufa, tá dificil comentar aqui, só dá erro! FInalmente consegui entrar aqui!
Belo texto. Temos uma música linda aqui no BRasil: Carinhoso
" Vem vem vem vem
Vem sentir o calor
Dos lábios meus
À procura dos teus
Vem matar essa paixão
Que me devora o coração
E só assim então Serei feliz bem feliz"
Beijos
ps: férias!!!!

Anónimo disse...

É preciso viver a intensidade do "hoje" diante da incerteza do "amanhã". Achei graciosa a história da Pita e também compreendi o tom tristonho que permeia teus últimos posts: a saudade do teu amado paizinho. Laços de amor jamais se rompem, não importa a dimensão onde as pessoas se encontram e esteja certa, querida Blue, lá no ceú há uma estrela a cintilar de forma especial sempre que você dele se lembrar. Um beijo e bom final de semana.
~~Nuvem~~
http://www.nuvensquepassam.blogger.com.br

alfinete de peito disse...

O importante é que a adequação das expectativas ao real seja feita de forma serena e gratificante :)

Beijos, Mercador e Grizo

Pescador disse...

Sempre é hoje...é amanhã quando o amanhã passar a ser o hoje... é um passo de cada vez ... é saborear cada momento... !!
....
Acho que escrevi levado por aquilo que li nos comentários ao teu post e agora que volto a lê-lo, fico com sensação de não sei do que falas, de quem falas, para quem falas !!
Minha concha azul, limpa as lágrimas e goza cada momento do teu presente com um ohar de ternura para o teu passado e sorriso no rosto quando olhas para a frente... para o futuro !!
Bjs doces e sorrisos azuis ;-) !!
Pescador