segunda-feira, junho 20, 2005

Olha a pita...

pita

(foto de BlueShell)

Olha a pita que fugiu
Do seu fresco galinheiro
Quem for com ela à feira
Lá fará um bom dinheiro.

Lá fará um bom dinheiro
Porque a pita é gordinha
Gosta de estar no poleiro
Até bem de manhãzinha.

Até bem de manhãzinha
Quando o sol rompe na serra
Depois vai ter com a vizinha
E esgravata –lhe a terra.

O galaró rezingão
Bem gostava de a ter
E lhe mostrar seu tesão
Mas pitinha...não vai não!

Mas pitinha não vai, não...
Que é de bom tom precaução...
Mas dá a sua voltinha
P’los galos da região!

Olha a pita que fugiu
Hoje cedo e sem recado
Certamente quem a viu
Já a levou ao mercado...

(um momento para descontrair...e enviar beijos a todos quantos me têm gentilmente visitado)

Obrigada
BS

52 comentários:

carlag disse...

Beijos gordinhosssss pra ti Blue :)

Angela disse...

Beijos para ti, uma excelente semana e obrigada pelas visitas.

Cakau disse...

Olá :) Há muito que não vinha aqui, mas não me esqueci; é mesmo indisponibilidade! Um grande beijinho e uma óptima semana :) *

lique disse...

Que quadras deliciosas, Blueshell! Um beijinho e uma boa semana

agua_quente disse...

Gostei. O teu talento poético é versátil. Beijos, amiga.

Morsa disse...

Có có có ró có có fazem as galinhas
Bicam bicam bicam pra comer o milho
Picam picam picam pra fazer o buraquinho
Raspam raspam raspam pra fazer o ninho...

A pitinha põe o ovo e o bebé papa-o todo!!!

Recordações de infância!

maresia disse...

esta pita não conhecia. só a que se vende nas rolotes e as pitas de cascais!

António disse...

Ora aqui temos um registo bem diferente do habitual.
E é bom ver-te a alegrar e divertir o teu galinheiro...eh eh
Jinhos

Karlos Alberto disse...

Acredita-me :

Sorri e cantarolei embalado pela melodia das palavras...

sylpha disse...

Simplesmente delioso este teu post!!!! Tadinha da pitinha ;) Beijo enorme minha querida Blue :))

AS disse...

Se é pecado ter olhado
Pitinha que de deseja
Valeu a pena o pecado
Por mais pecado que seja

Um beijo

concha disse...

:)
Beijinhos Conchinha azul!

wind disse...

eheheh, engraçadas quadras e é malandra a pita:) beijos

Caiê disse...

eh eh eh! também tive uma única galinha, em pequena... era preta! ;)

Beijinhos! à pita também.

Peter disse...

"Galinha do campo não quer capoeira"

bin_tex disse...

Olá Blue!

Olha aparece lé em casa para dares a tua opinião.

Beijos

Bin

Mitsou disse...

Que delícia, Conchinha! Gosto dessa descontracção, amiga. Beijo enorme :)

Charlotte disse...

Que engraçado este poema popular:)
Sempre que precisares sabes onde encontrar o meu mail.
Bjs mts*

UnaRagazza disse...

Faz lembrar aquelas cantigas antigas e malandrecas. Pensado bem, até podia ser uma música do Quim Barreiros, hein?
Beijos 'Pito'rescos * ;)

Pink disse...

Bonito e com um toque naïf este teu poema! Um beijo.

SaltaPocinhas disse...

Poema giro! Já roubei!

zeca disse...

Coitada da Pita. Parece tenrinha. Se a apanho faço uma canja. Beijos

rajodoas disse...

Assim já gosto mais de ter ver. Beijinho do Raul

João Scottex disse...

Quadras frescas, naturais, campesinas, sensuais, Uauuu!
Excelente.
Obrigado pelos teus elogios, eu não gosto, mas confesso que sabem bem. Mil beijos.

paper life disse...

Beijos, Conchinha.

:)

sotavento disse...

E eu que tenho uma predilecção por galinhas!... ;)

Patrícia disse...

E não é que ela teve direito ao seu bocadinho de liberdade? Beijo!

Bruno António disse...

Mas que galinha... do Intendente!!!
LOL!!!

E o Sotavento, não sei não...

E aqui estou eu!

Bjs

marcox disse...

tou a ver q a pita dava uma boa canjinha!

Maria Heli disse...

Bem ao jeito de ANTÓNIO ALEIXO ;)

TMara disse...

k fresco sabor neste texto brejeiro. Bj grande

Daniel Aladiah disse...

Querida Blue Shell
Que cheirinho a canja e a um arroz de cabidela, mnhame
Um beijo
Daniel

Betty Branco Martins disse...

Querida Blue Shell

Voltei! :)

Esta "Pita" é uma delicia! dá vontade cantarolar

Um beijo grande

Anónimo disse...

teste

Papo-seco disse...

EHEHEHHEHEH

:) :) :)

AlmaAzul disse...

"pita" :) já tinha saudade de ouvir isso.

***azuis

Amaral disse...

A pitinha da nossa infância volta mais gorda e atrevida, mais singela e muito mais saborosa.
Um momento para descontrair, é verdade, e é com estes momentos que a vida descontrai...

Vasco Salles disse...

Esta muito engracado, e teu? beijinho para ti tambem.

Estrela do mar disse...

...URGENTE!!!...vem até ao meu blog...

Beijinhos

Leonoretta disse...

ola blueshell.
o meu comentário tem a ver com outra coisa: sabes porque é que o galo canta todos os dias de manhã?
deixo-te com a curiosidade...rs


beijinho da leonor

stillforty disse...

pitinha tb quer dizer dondoquinha, não é só galinha, não.
boas

Ana disse...

Vou aquecer o forno para por a "pitinha" lá dentro boa? **

sussurros da lua disse...

Sortuda a pitinha...não são todas as pitas que tem direito a palavras como as tuas!! Mil beijinhos!

Charlotte disse...

Passei e deixo mais um beijinho e um sorriso:)
Ciao Ciao*

JacPac disse...

Olha a pita que fugiu
De um destino sem dó
Diz o povo que a viu
A gozar com o galaró

A gozar com o galaró
Numa farra em movimento
Eram asas e não só
Num tesão de envolvimento

Olha a pita que fugiu
Cumprindo com o programado
Fazendo o que o povo viu
Deixando o galaró derriado

Deixando o galaró derriado
Seguiu altiva o seu caminho
Tendo o seu prazer saciado
Ficando o galaró sozinho...

BlueShell disse...

Ó criatura...leste-me o pensamento. ADOREI! Sério.

Apeteceu-me fazer assim uma coisa...mas tive receio de escandalizar alguém hehehhe Está divinal.
Obrigada. BShell

alfinete de peito disse...

Obrigado Blueshell, bem precisamos de momentos de descontracção, que isto agora são momentos de muito stress :)

Beijos, Mercador e Grizo

gato_escaldado disse...

gostei. dessa pata. dessa peta (?). dessa pita. beijos

Elvira disse...

Beijinhos para ti também!

Anónimo disse...

Adorei! Até dava para cantar com uma musica tipo 'nonsense', como por exemplo a musica e "Fui ao mar buscar sardinhas" de Amália. experimentei agora e deu certo!!!

Mas digo uma coisa- Tão cedo não como galinha nem frango. Juro!
Valeria Mendez

O Pi@d@s disse...

Beijos

Anónimo disse...

uau...