sexta-feira, junho 17, 2005

TENHO SAUDADES...SÓ ISSO!!!

pai

(foto de BlueShell)

Tenho saudades do meu pai...
e estas lágrimas...estas mãos vazias que não voltarão a abraçá-lo...
este sentir que não compreendo...
só sei que dói...

[talvez isto explique o(s) meu(s) post(s) anterior(es)...]

73 comentários:

francis disse...

Compreendo o teu sentir...
Partilho a tua dor.

Planta disse...

Eu sei o que são saudades! Eu tenho esse vazio e outros. Lembrar os ausentes é preencher esse vazio, da única forma que nos é permitida. Bom fds.

Patrícia disse...

Palavras neste momento talvez não ajudem...muita força e um beijinho especial para essa alma bonita que possuis.*

Morsa disse...

A única coisa que te sei dizer é que também tenho muitas saudades do meu avô... E ainda agora só vão 4 meses!

Beijokinhas

UnaRagazza disse...

Um beijinho para ti blue... Mas ele está contigo... e apesar de tu não o poderes abraçar de certeza que ele te abraça a ti... tu estas "in the arms of the angel" e ele embala-te e protege-te... Acredita e agarra-te a isso! Mais uma vez um beijinho e força *

Adryka disse...

Ele está contigo sempre um pai nunca foje , acredita nem depois de morrer ele está e estará sempre contigo. Beijinhos

Estrela do mar disse...

...minha querida...não tenho palavras...felizmente ainda não passei por uma experiência dessas...mas há 7 anos perdi a minha avó...que era uma 2ª mãe para mim...e hoje passados estes anos...há momentos...que tenho tantas saudades de a olhar nos olhos...de ouvir a sua voz meiga...de a abraçar...tanta coisa...mas o tempo aos pouquinhos vai-nos adormecendo para conseguirmos lidar com essa dor...e tu uns dias rindo...outros chorando...vais continuando a tua caaminhada...mas hoje estás com saudades dele...ele está ao teu lado...a acompanhar-te para onde tu vais...só que não o vês...mas ele está e estará sempre contigo conchinha...estejas onde estiveres...mas olha...eu estendo-te os meus braços para te dar um abraço apertado e cheio de carinho...e levo comigo uma flor...pode ser que te faça sorrir...muita força @miguinha...

Tem um bfs.

Um beijinho* grande.

sylpha disse...

Este teu post não posso comentar minha querida blue... Beijo enorme :)

Anónimo disse...

Ele está sempre do teu lado
**

Rose

Lucília disse...

Faz hoje justamente 2 anos que sepultei a pessoa que fez com que a minha infância fosse feliz!
Não há dor como a da ausência,não é?
Cumprimentos

Daniel Aladiah disse...

Querida Blue Shell
Também...
Um beijo
Daniel

lique disse...

Amiga, não te posso dizer que irá passar porque não é verdade. O meu pai morreu há 13 anos e ainda tenho saudades. Mas arranjamos formas de conviver com isso. A pouco e pouco. beijinhos

Anónimo disse...

Um abraço apertado...conchinha.
maria

agua_quente disse...

Compreendo-te Blue. Deve ser uma dor muito difícil de ultrapassar. Um beijinho grande

Caiê disse...

Que dirá quem já perdeu os dois?

beijinhos. sei o que é. ***

António disse...

A saudade dos mais queridos que se vão nunca desaparece. Vai-se esbatendo com o tempo...mas só isso!
E os pais estão no topo dos mais queridos.
(minha mãe saiu daqui à 22 anos, meu pai à 12 - sei do que falo)
Jinhos

Luís Miguel disse...

Como te compreendo!
.
.
Força! Beijinho para ti!
.
.

wind disse...

É natural que tenhas saudades, é recente. Mas com o tempo ficará uma memória boa e ficarás melhor. Acredita.Beijos e bom fim de semana:)

Amaral disse...

Claro que explica. Mas tens que encarar as coisas como elas são, de verdade! Não podemos alterar a natureza, porque ela é assim mesmo!
Neste momento, que te estou a escrever, na minha frente, na prateleira do móvel, frente a esta secretária, estou a "ver" o meu, olhando para mim! Sei que ele está bem! O seu sorriso é o mesmo. A maneira como me olha, também. Mas estou tranquilo e tu também vais estar tranquila, porque vais tornar a encontrá-lo.

Pharaoh disse...

também para mim tudo é tão recente,,, a minha sincera compreensão, e que da saudade sentida, todos os dias renasça o amor que te faça, por ti e pelos outros, partilhar a felicidade ao sentir que a sua companhia ainda te ilumina a presença desta tua/nesta sempre vossa vida,pois quem de nós gosta, vá para onde for, nunca deixará de nos continuar a ensinar a palavra amar *s linda, upa upa,,,

João Scottex disse...

Um beijo e forte abraço blue.
Nem quero pensar.

Pescador disse...

És uma força da natureza concha azul, uma concha que nasceu no mar e subiu pelo rio para desaguar na serra !!
Palavras não tenho pois não sei que dor é essa..., mas tenho esta mão que te deixo aqui escrita, este ombro de 5 letras, e um sorriso quente se com ele quiseres secar as tuas lágrimas !!
Bj doce para ti personagem doce das Serras...

Å®t_Øf_£övë disse...

Amiga,
As saudades são um sentimento tão contraditório.
Por um lado é sinal que amamos muito além,mas por outro lado significa que esse alguém de que tanto gostámos não se encontra entre nós,ou pelo menos junto a nós.
Tenta transformar essa saudade num sentimento cheio de boas recordações e de felicidade.
Bom fds.
Bjs.

Peter disse...

Associo-me à tua dor. Os versos que lhe dedicas, bem como as fotos, são uma forma de o teres sempre presente. É bom recordá-lo e se o fazes, é porque ele mereceu bem o amor que lhe continuas a dedicar.

http://Diario365.blogs.sapo.pt disse...

A saudade dos que partem deixa um vazio indescritível, mas enchem o coração de memórias. Que o revejas nelas. Vou ficar aqui mais um pouco escutando a tua música. Obrigada. e bom fim de semana

Luís Teixeira disse...

=(

Tão triste...

Penso no que poderei vir a sentir...

Anónimo disse...

Blue
Não te conheço, mas estou contigo.
Um bejo grande
Cris

sussurros da lua disse...

Fiquei sem palavras...não sei bem o que escrever. Deixo-te um beijinhos terno!

Ana disse...

Minha querida, como eu gostava de dizer umas palavras que acalmassem a tua dor/saudades mas parece-me impossivel. Deve ser algo que apazigue somente por tua vontade, e nada do que possam dizer pode apagar essa dor.
Em todo o caso, um beijinho amigo é capaz de fazer-te sentir so um bocadinho -ainda que pequenino- mais feliz. =)

Gabriel disse...

Que benção e que inferno é a memória! As pessoas das quais nos lembramos nunca morrem.
Beijo

carlag disse...

Blue,
Esteja onde ele estiver...estará bem concerteza.
Doi, e a dor não passa assim. Com o tempo, vai sarando. Mas as tuas recordações serão eternas e nunca esqueças o que ficou de bom. Do que ele te deu, do que ele te ensinou...
Já tive vontade de te escrever, mas não tens nenhum contacto aqui...e fica impessoal, fazê-lo numa caixinha de comentários.
Querida, força! Muita.

Bruno António disse...

Ohhh, sim! Como eu sei o que é isso!...

Mas pronto, estão no nosso coração, isso é que importa!
...

Vamos lá animar amiga Blue!
Vizita este blog de um amigo meu! É do pior... mas dá para rir um pouco!
O homem é de mais... e 'ao vivo' então!!!

Bjs.

kachiba.blogspot.com

mfc disse...

Dói e doerá sempre.
É insubstituível nos nossos corações.

Charlotte disse...

Acredito piamente que aqueles que partem jamais deixarão de olhar por nós; assim como tu querida Blue, que te lembras dele todos os dias... a essa ligação dá-se o nome de AMOR! Força, amiga*
beijinhos mts.

Carmem L Vilanova disse...

BlueShell amiga,
A saudade dói, dói muito, mas um dia a gente acaba por compreender esta ausência e a dor se transforma em um sentimento mais puro, mais bonito, mais fácil de ser vivido, acredite... Hoje eu passe para deixar-te um convite...
Hoje tem festa lá em casa e estás convidada.
Ficaria imensamente feliz com tua presença amiga!
Deixo-te muitos beijinhos cheios de saudades, linda amiga.

AS disse...

B.Shell... as saudades doem sim! mas o amor que sentimos dentro de nós é bem maior... Ele sabe quanto o continuas a amar e estará sempre contigo.

Abraço-te

Micas disse...

O teu pai caminha lado a lado contigo. Deixo-te um abraço do tamanho do mundo. Beijinho

Marta disse...

Como te compreendo!

Charlotte disse...

Bluezinha gostava de ter o teu contacto. Pode ser o mail?
Um bj mt grande*

AlmaAzul disse...

Estou certa que ele está sempre presente em ti... Custa muito sei... a falta da presença. Por isso muita força e coragem para continuar.
Abraço-azul.

Humbertothewizard disse...

Não é o pai o homem da nossa vida? Haverá alguma outra alma bondosa que possa substituir a leveza, a doçura e o carinho das suas mãos? A mãe é aquela que está sempre presente nas nossas vidas, ela é o Sol da nossa vivência, porém o pai é aquela outra estrela altiva, forte e terna ao mesmo tempo, que desce do firmamento para amparar os golpes do nosso destino, defender-nos de quem não nos ama e ternamente acolher-nos no calor do seu peito, tocando suavemente os nossos deitados cabelos com a suavidade das suas mãos, murmurando-nos ao ouvido, palavras sábias de conselhos, e que nos fazem orgulhar de quem nos fez, e dar graças aos cêus por termos conhecido alguêm que depositou uma parte de si em nós. Algo afável, meigo, majestosamente extremoso que nos ensinou a viver. Peço desculpa por estas longas palavras mas sou apenas um Anjo que se comoveu com as tuas palavras e que solidariza-se com a tua pêrda. Esteja onde ele estiver, este Anjo acredita que ele continua a ser o tal Anjo sem asas que ele sempre foi, e que certamente gostaria de continuar a olhar para aquele sorriso absolutamente encantador que embeleza a graciosidade de uma das mulheres da sua vida. Desapareceu apenas o capítulo que os teus olhos viam, contudo o seu Amor que ele por ti sentia, essa chama incandescente permanece inviolável pelo eterno corredor do tempo.

Malae disse...

Querida Amiga! Gostava de ter as palavras certas... mas nada do que se possa dizer acalma esse vazio! Como doí perder os que amamos... aqueles que fazem a diferença, que marcam um antes e um depois... Estou certa que o teu Pai te acompanha todos os teus dias, com um sorriso de orgulho! É esse o lenitivo... é daí a vonte da força! Um beijinho do tamanho do mundo, um abraço terno e uma semana com a força que sempre nos mostraste. Malae****************

grzl disse...

como te compreendo! fica com toda a minha solidariedade e ternura.
um abraço
graziela

zeca disse...

Fogo!!! Fiquei triste. Foi um anjo que o veio buscar e agora ele zela por ti, e por todos os que gostas. Tenta um sorrisinho que ajuda. Um grande beijo.

AS disse...

Querida Blue, passei para te desejar uma óptima semana...

um beijo

Miss-Devil disse...

oi!
poderas ñ poder abraça-lo mas podes ter a certeza k a presença dele estara sempre ctg.
jinhos

SonhadoraSempre disse...

Queria poder dizer-te coisas k afastassem essas tuas saudades... queria poder ensinar-te a esquecer... eu queria...queria!!! Mas sei como te sentes, senti e passei pelo mesmo!! Impossivel dizer o k quer k seja!! Podemos até sorrir um bocadinho qdo nos dizem " deixa, a vida é mesmo assim"! Mas é injusto! A vida é ingrata! Sorri-nos por vezes, mas sõa tao poucas que qdo sofremos a dor dilacera-nos o pouco k nos resta! Bem amiga o meu comentárioa em nada te poderá ajudar pois até a mim me fizeste chorar! Beijinhos!

Cibele disse...

Ainda que haja noite no coração,
vale a pena sorrir para
que haja estrelas na escuridão
(Arnaldo A. Padovani)

lazuli disse...

Blue..algures por aí, ele está contigo. Somos feitos do pó das estrelas, por isso somos eternos. Falta a presença física, o resto está contigo. Um beijo com muito carinho
Fernanda G

Morsa disse...

Minha querida Blueshell, não há que agradecer!
Eu também tenho dias, fases, até anos menos bons!
Uma pessoa não pode fazer nada! Só lutar para que isso não dure mais do que o devido!
Fica aqui o meu apoio para tudo o que esteja ao meu alcance!
Um beijo grande

Vera Cymbron disse...

Como eu te compreendo essas saudades. Mas sabes amiga, neste momento preciso de mim, mais que um mimo ou abraço, preciso de ter-me e erguer-me em mim. Voltou a bonança e eu estou de volta!
Jinhos grandes e força aí linda!

augustoM disse...

Shell, a saudade é o nosso motor que alimenta o amor, e enquanto ela existir o nosso amor não morre. Viver na saudade é perpetuar o amor.
Um beijo. Augusto

nina disse...

sei o que sentes,eu que jà perdi os dois.
um beijinho

Peter Pan X disse...

Felizmente ainda não conheço essa dor, mas sofro-a muitas vezes por antecipação.
É claro que estou longe de saber como ela é na realidade, no entanto, Blue Shell, partilho da tua dor e do teu sentimento.
Envio-te daqui um abraço virtual, um xi-coração apertado e uma palavra de esperança de que existe um mundo melhor para onde vamos quando deixamos este.
Vamos pensar assim...
Um beijo

ametista disse...

O que mais dói é a saudade...
Um beijo pra ti.

Diogo disse...

Quando amamos o medo da ausencia é uma constante... Tolamente... porque aqueles que amamos estão sempre presentes no nosso coração.

Um beijo e coragem.

Caiê disse...

Amiga:
quando tinha 7 anos, perdi o meu "pai". A minha "mãe" morreu há 15 meses. Sobreviveu-lhe 20 anos e julgava que não viveria sem ele um só dia.

Há uma música que ela costumava cantar quando o perdeu que dizia " sei que estás sempre comigo". Eu deveria cantá-la agora. às vezes, falta-me um bocado a voz. No entanto, posso dizer-te que o Mundo não é mais o mesmo nem nós... mas a vida ainda tem sempre alguém que nos incentiva a viver e ela própria é repleta de milagres pequeninos.

Abraços ***

Anónimo disse...

saudades...uma forma de sentir quem não está presente...Beijinhos

JOINCANTO disse...

Eu sei que é doloroso.
Um abraço e um beijinho de amizade.
Deus está sempre connosco.

Bárbara Vale-Frias disse...

Lamento imenso...

Um beijinho!

António disse...

Entendo muito bem, querida amiga!
Mas é nestes momentos que temos de ser fortes, muito fortes.
Se não o conseguirmos sozinhos, então recorramos a alguém que nos ajude.
Não podemos é sair vencidos.
Jinhos

Apenas, o cidadão disse...

arriscando escrevo o seguinte,

ainda bem que doi, caso contrario seria sinal que ligação não seria muito forte. "...E a tristeza tem sempre uma esperança De um dia não ser mais triste não..." (Vinicius de Moraes)

quem te disse que essas mãos vazias não voltarão a abracá-lo?...

Joanissima disse...

Blue Shell há muito tempo que te vuo lendo, que vou sorrindo ao que escreves. este teu post emocionou-me. Só quem nunca perdeu ninguém importante (para a alma) é que consegue ficar indiferente.
É uam dor fininha... Que vai bloquenado as artérias e as glandulas lacrimais até ao momento em que estas rebentam e choramos a saudade e a imensa falta que nos fazem.
Não te esqueças que vivemos de memórias, de cheiros, de afectos.
E isso, ausencia alguma consegue tirar-nos.

Um beijo imenso.
E muitos sorrisos de paz.

Maria Heli disse...

Um abraço muito, muito apertado.

Vasco Salles disse...

E verdade minha amiga, doi tanto... e o amor... fica no coracao para sempre.

zuraças disse...

Blue Shell, a perda deixa-nos um vazio que nunca mais conseguiremos preencher!
As boas recordações alegram-nos a alma e aconchegam-nos o coração! Dois sítios onde ninguém nos consegue retirar as pessoas que mais amamos!

Cumprimentos

Anónimo disse...

Minha cara,

Apareci aqui porque vim do "paulo fragoso" e deparei-me com a situação de perda do seu pai...que me tocou bastante.
Não me conhece, mas temos uma dor parecida...eu acabei de perder a minha mãe...doi muito e o medo de viver e não a ver mais é o que mais me assusta...sei que vou conseguir, pois tenho uma filhota linda que precisa que eu seja para lea metade doque a minha Mãe foi para mim...e já serei uma GRANDE MÃE...

Até um Dia...
Força

Bárbara Vale-Frias disse...

A dor de uma perda de Pai ou Mãe só pode ser sarada pelas boas lembranças que, em vida, nos tenham plantado nos corações e na memória.

Espero que, sempre que estejas triste, consigas mergulhar nesse mundo de recordações aconchegantes, quentinhas e doces.

Um beijinho!

Jeff disse...

Tenhu mtas saudades de todos meus amigos da escola...que fizeram grande diferença na minha vida...Amo todos eles é dificil demonstrar um afeto tão grande mais eu amo todos do fundo do meu coração...

Anónimo disse...

Sei muito bem como é esta dor que sentes, o que mais ficou gravado em meu coração que não chora mas sente uma dor imensa é de não ter falado com o "velho" o suficiente, haviam tantos assuntos que poderíamos discutir e a ele caberia orientar como sempre fez nas ocasiões em que o procurei. Sinto a falta de uma conversa sentado ao seu lado, meu Deus falhei ! faltou tempo ! será ? A dor não cessa e sua falta é grande.

Anónimo disse...

é um dor que so conhece quem a sente... perdi meu pai a sete meses e há dias k nem sei se vou continuar a aguentar...a força maior k podemos encontar é naqueles que amamos e ainda ka estao... nos dias piores aconhego me nas recordaçoes que doiem mas conortam...e no pensamento que esteja onde estiver esta comigo e um dia nos encontraremos... bjinhos dsc a invasao...

Rodnei Interceptor disse...

sei bem o que é perder o pai, uma dor que não passa, quase seis meses que Deus o levou, e a dor só aumenta, Pai onde quer que esteja aqui é seu filho que te ama muito, papai querido, você faz muita falta, que saudade...

Anónimo disse...

saudades,quase nem se explica nessa prova que eu te dou,,saudades e a falta que fica de alguem que nao ficou...perdi o meu pai faz 5 ans.passo por sindrome do panico ,depressaõ,e tudo de ruim que pode imaginar,minha vida mudou apos a morte dele.ele levou com ele uma parte de mim...mas mesmo assim tenho fe em deus que eu vou chegar la..e tenha vc tbm. bjs e fique com deus.rubia_r.santos@hotmail.com