quarta-feira, julho 13, 2005

Lá está!

capela

(foto de BlueShell)

E a capela da Srª das Necessidades lá está...espreitando a serra, aguardando o Tempo...

26 comentários:

Menina Marota disse...

Linda... quem me dera esse sossego... Passei para deixar um jinho e um sorriso :)

Delírio da Loirinha disse...

Olá! A prova de que Portugal ainda tem patrimonio preservado...
Beijinhos doces

Miriam Luz disse...

Adoro as tuas fotos BlueShell... são... deixa ver... uma brisa fresquinha ;)
Beijinho!

A. disse...

há coisas que nem o tempo leva =)

Anónimo disse...

beijos, Blue:))****

Daniel Aladiah disse...

Querida Blue Shell
Linda... mas com enquadramento estranho, merecia melhor...
Um beijo
Daniel

Unknown disse...

Olá mas esta nãõ é uma capela que fica no meio de uma estrada, ou seja que partiu a estrada em duas. penso que sim.
Beijos

Anónimo disse...

E que linda capela....... :) bjs

João Campos disse...

Não é quase um crime um tesouro como essa capelinha estar quase por baixo de uma tira de alcatrão? Malhas que este país tece... mas olha, na minha terrninha não temos capelas assim tão giras, blueshell :)
Beijinhos*

wind disse...

Tão lindinha:) beijos

Português desiludido disse...

Há muitas capelas com o mesmo nome! Será que esta é na Sª. da Graça?

Anónimo disse...

Não...Pecaaas, é concelho de Mangualde.

Fragmentos Betty Martins disse...

Existem coisas que irão existir para lá do tempo...

Tens fotos lindas!

Jinhos grandes

Vênus disse...

A beleza das coisas simples...
Estou bem..com saudades de ti...!
Bjokas!;)

Eu, nos dias de hoje disse...

Que bela Capela... a Questão é saber se lhe deixãoi ficar por aí muito mais tempo...

Anónimo disse...

OLHA!!! ISSO É MESMO AO PÉ DA TERRA DA MINHA MÃE!!!
VIVA!!!!
INDA APARECE NO MAPA! JÁ FUI VEZES SEM CONTA AÍ A PÉ!!!
ADOREI
oBRIGADO

Nilson Barcelli disse...

Errado querida Blue...
Se fosse das necessidades a porta deveria estar aberta. Como é que as pessoas com necessidades entram? Hein? Diz-me lá...!
Ou então tem porta pelas traseiras, o que não seria nada normal...
Acho que depois da virgindade me devo debruçar sobre a necessidade. E de como uma coisa pode ser um entrave para a outra. O que dizes?
Aguardo a tua douta opinião...
Beijinhos.

mdm disse...

E que bem me sabia agora uma oração na Capela das Necessidades: silêncio e paz!
Beijinhos para ti

(Psiu que tal uma vinda ao ALgarve ao almoço de blogs?)
http://encontroblogalgarve.blogspot.com/

Unknown disse...

Que linda capelinha... parece saída de um dos contos dos irmaos Grimm... :)
Deixo-te hoje muitos beijos e um abraço amigo, linda BShell.

eduardo disse...

Ia jurar que já vi esta capela pelo caminho que me levava a Fornos de Algodres, hehe..
Mas já foi há muito tempo. Mais mesmo do que o tempo que fazes da tua felizarda data de mulher casada.
Eu já tenho trinta feitos com as mulheres da minha vida (mãe e filhas) e apenas te desejo as felicidades que também quero para elas.
A partir daqui, só posso estar radiante por estares bem.

Beijokas e... parbéns pelos 19.
Vou abrir uma garrafa e brindar aos dois. Quando ouvires tchim-tchim, sou eu.

Luís disse...

parabens!! (atrasados... :/ )

Foi aí que casaram? ;)

Anónimo disse...

ola!
e mt gira mas ta no sitio meio eskisito.
jokas

Anónimo disse...

Ola Blue, embora seja das Caldas, sou Serrano de coracao, Conheco a Nossa Senhora das Necessidades na Benfeita, pequeno Santuario junto a Fraga da Pena, e a Mata da Margaraca e conheco a Nossa Senhora das Necessidades no Colcurrinho, por cima da Aldeia do Piodao, ambos sitios lindissimos, Mas nao conheco este sitio da foto. Ja nao e a primeira vez que publicas fotos com aquele "cheirinho intenso das Serras", mas eu nao consigo identificar o sitio, quase morrendo de curiosidade. Diz onde e esta capela... Anda la...!

Unknown disse...

Isso não é na Serra do Açor?

Anónimo disse...

Hum..quantos passos, quantas pessoas, quantos sussurros de amor, quantas inconfidências essas pedras não testemunharam? Pedra a pedra se constrói a vida.

Anónimo disse...

Estranho.. uma capela tão pequenina e tão bem conservada tão perto da estrada.. o governo devia dar mais importância ás coisas mais belas..