sábado, dezembro 11, 2004

ELA RALHA!!!

Não te vejo, sinto-te!
Não te vejo, sonho-te!
Quero-te; não te tenho!
Desejo-te: tremo de mim...


insonia

(foto de Alberto Calheiros)

Porque te sinto, te sonho te quero e te desejo...
a Razão me ralha e não consente
que o meu sentir-me em ti
seja um sentir puro e são!
Ela ralha e a tudo...me diz NÃO!

26 comentários:

erü disse...

Por natureza, a Razão opõe-se sempre (ou quase sempre) aos desígnios do Sentir... são duas faces opostas de uma mesma moeda, sucedendo-se em equilibrio por vezes, lutando entre si violentamente noutras... e nós somos apanhados no meio do turbilhão, perdidos, sem sabermos muito bem para onde temos de afinal seguir... essa guerra já cá se luta há tanto, tanto tempo... beijos*

mfc disse...

Só se deve dizer não quando não se quer...não vá o outro acreditar!!

LolaViola disse...

Ofereço-te as palavras do Mestre...
(...)
Eu não tenho filosofia: tenho sentidos...
Se falo na Natureza não é porque saiba o que ela é,
Mas porque a amo, e amo-a por isso,
Porque quem ama nunca sabe o que ama
Nem sabe por que ama, nem o que é amar ...
Amar é a eterna inocência,
E a única inocência não pensar...
Alberto Caeiro

FataMorgana disse...

Olá! :)
Andei por aqui a ler. Gosto da tua escrita e tens fotografias lindas, muito bem escolhidas! *

Anónimo disse...

Será resolúvel o conflito com Inteligência Emocional?

Um grande beijinho,

Sandra
(Void)

whiteball disse...

Lamechices logo ao início do dia???
É assim...se quer...quer! Se não quer...não fica quieta: vai à luta e deixa a razão a resmungar sozinha!

Bocage dizia, e bem." Importuna razão...não me persigas"...faz o mesmo! Que diabo, rapariga! Um beijo e outro do Mocho! WB

augustoM disse...

Um desejo de amar um amor proibido. O tema faz lembrar a Florbela Espanca. Gostei muito.
Um abraço. Augusto

Tim Bora disse...

Há razões que a razão desconhece.

Luna disse...

A Razão tende a sobrepor se ao desejo...ela diz não mas teremos que corajosamente convence la que é sim...

Kabum disse...

A razão a razao....:|

Aran disse...

A razão só nos ralha, quando outros factores nos dizem não... ;) Gostei do poema e da imagem! Já agora aproveito... os anteriores tb estão muito bonitos... bjinhos

wind disse...

A Razão muitas veszes tem razão:))) bjs*

R disse...

NÃO te quero ver assim desanimada, triste.
vai á luta e tenta saber as razões para esse não.
põe uma carinha alegre e enfrenta teus receios:)
boa semana e sorri:)

chemistry disse...

O coração tem razões que a razão desconhece.
Vai aonde te leva o coração.

titas disse...

temos amigos comuns, pois vejo o teu nome amiúde. Há algum tempo que tinha curiosidade em conhecer-te. Calhou hoje. Em boa hora! Fico cliente e já te adicionei aos favoritos (também porque em comum temos um grande desamor: o FCP....)

O Micróbio disse...

A razão por vezes é aborrecida...

hamy-pros-friends disse...

bonito e a poesia é sempre o lado puro da vida.

Vera Cymbron disse...

Não gosto da razão, ela por vezes castra-me as vontades.
Mas sabes, ela tem tanta vez razão!
Jinhos

Emilio de Sousa disse...

Conchinha, quando estás assim nem sei que diga! Bjocas.

Luis Duverge disse...

Na vontade sem parar a fuga é em frente,
se te detens encontras a razão,
senão em frente a fuga não dá vontade de parar.
Ai ...os imortais ...os imortais.
Beijo sem conflitos sentimentais.

nikonman disse...

Belíssimo texto, associado a uma excelente fotografia.

Madalena Pestana disse...

que se lixe a Razão!

:)

Águas de Março disse...

Que vontade por vezes de ignorar a razão! De seguir o impulso, deixar-se ir até onde tiver que ser..
Mas a porcariazinha da razão lá vem depois dizendo: vês, parva, eu não dizia?..
Beijo amigo, BS.
Ana Maria

óssóbó disse...

e haverá melhor na vida do que alguem gostar de alguem?

Dream disse...

Hmmm... mexeu comigo.. não sei porquê.. ou prefiro não saber :X

Beijos grandes e profundos

pipetobacco disse...

{ ... de louco sou [eu] chamado por querer ser [apenas] a sombra de [teus] passos [e] em gritos ocos sobejado por demais gente desejado © de[mente] ... }{ beijos* }